Anderson 'The Spider' Silva garante que irá retornar a lutar

Anderson Silva mira Nick Diaz mas deixa confronto contra GSP em aberto

 

Mesmo suspenso pela USADA (Agência Antidoping dos Estados Unidos), Anderson Silva está satisfeito com os resultados de seus exames. Isso se deve pelo fato de não ter sido apontado na coleta, o uso de anabolizantes ou qualquer outra droga para melhorar performance.

Com isso, Anderson Silva já estará liberado para lutar no mês de novembro. Por esse fato, muito se fala em qual seria o nome para enfrentar ‘The Spider’ nesse retorno ao octógono do UFC.

LEIA MAIS
– ANDERSON SILVA RECEBE SUSPENSÃO DE UM ANO E PODE VOLTAR EM NOVEMBRO
– DANIEL CORMIER AFIRMA QUE BROCK LESNAR SERÁ SEU ÚLTIMO ADVERSÁRIO NA CARREIRA
– DANIEL CORMIER QUER DEFENDER CINTURÃO DOS MEIO-PESADOS CONTRA MAURICIO SHOGUN

Em conversa com o portal americano ‘MMA Figthing‘, Anderson Silva deixou aberto a possibilidade para enfrentar Georges St-Pierre. Esse combate entre o ‘Spider e GSP foi muito cotada, na época que ambos eram campeões de suas respectivas divisões, em 2011.

— Tudo é possível no UFC. Eu acho que as decisões têm que ser tomadas no momento certo. Se não lutarmos, é porque realmente isso não deveria acontecer. Acho que ele teve uma boa estratégia, fez uma boa luta. Ambos são grandes lutadores – Disse Anderson Silva, lembrando da luta de GSP contra Bisping.

Já em outra oportunidade, agora em entrevista para o portal ‘Combate.com‘, Anderson declarou não ter ninguém em mente. O brasileiro nunca foi de estar desafiando oponentes, mas segundo o mesmo, uma revanche contra Nick Diaz faria sentido nesse momento.

— Nunca tive essa coisa de falar com quem eu gostaria ou com quem não gostaria (de lutar), acho que a única pessoa que falei em algum momento que gostaria de lutar, de me testar, foi com McGregor, mas acredito que ele não bata 83kg (no peso-médio). Não tenho ninguém em mente, nunca tive essa pretensão de desafiar ninguém. Agora é aguardar. Uma luta que provavelmente seria interessante de ver seria eu e o Nick Diaz novamente, porque aquela luta deu “no contest”. Mas não depende de mim, depende do Nick, do UFC, de muitas outras coisas envolvidas – Declarou o brasileiro.

A luta entre Silva x Diaz aconteceu na Edição 183 do UFC, em 2015. Na ocasião, o brasileiro teve o seu braço erguido no final do combate por decisão unânime dos juízes laterais. Posteriormente, a USADA pegou Anderson Silva nos exames e reverteu o resultado para ‘No Contest’.

CARREIRA DE ANDERSON SILVA

Aos 43 anos de idade, Anderson Silva não luta desde fevereiro de 2017 quando derrotou o americano Derek Brunson por decisão unânime. Anteriormente, o curitibano vinha de quatro derrotas. Além disso uma luta ‘sem resultado’ contra Nate Diaz depois de ter sido flagrado em exame antidoping por uso de drostanolona e androstanolona (metabólitos de testosterona) em 2015. Seu cartel total do MMA é de 34 vitórias, 8 derrotas e 1 ‘No Contest’.

Foto: Esther Lin/ MMA Figting

 

anderson silva, artes marciais, artes marciais mistas, Georges St-Pierre, GSP, MMA, Nick Diaz, UFC, UFC Brasil, Ultimate Figther Championship


Paulo Filho

Estudante de Direito. 21 anos. Mossoró-RN. Apaixonado pelo MMA e dedicado ao jornalismo esportivo desde 2012. "Um espírito nobre, engrandece o menor dos homens" (Jebediah Obadiah Springfield)

Deixe uma resposta

As principais notícias do esporte que mais cresce no mundo, em um só lugar. 

Contate-nos:  

[email protected]

© Copyright 2015-2018 Tudo Sobre MMA| desenvolvido por: Vedrak Devs