As 5 maiores decepções para os brasileiros no UFC

Nós brasileiros costumamos a torcer fervorosamente por nossos atletas, principalmente em disputas de cinturão. Alguns duelos entretanto, a derrota acaba sendo o resultado para os brazucas. Porém perder faz parte do esporte, principalmente de um esporte como o MMA. Porém algumas derrotas parecem doer mais do que outras. Por isso fizemos a lista das 5 maiores decepções para o torcedor brasileiro no MMA!

1) Aldo vs McGregor

Encabeçando a lista temos aquele que considero ter sido a maior decepção de nossa história no MMA. Depois de alguns meses do mais baixo Trash Talk, ver o ídolo José Aldo que até o momento tinha apenas 1 derrota em seu cartel e já havia defendido o cinturão dos penas por 9 vezes e sendo nocauteado em apenas 13 segundos de luta, foi duro para a torcida.

Além disso, depois desse evento o McGregor disparou na carreira e nunca deu a chance de uma revanche para o José Aldo, em verdade o McGregor nunca defendeu nenhum dos cinturões que conquistou. Extremamente injustiçado, o Aldo parece ter perdido a vontade de lutar MMA depois desse evento, de lá para hoje seu cartel é de 1-2 e por várias vezes surgiu a história de que ele poderia migrar para o boxe após encerrar seu contrato com o ultimate.

2) Minotauro vs Mir

Aquela que também poderia facilmente entrar numa lista das maiores reviravoltas em uma luta de MMA deixou um gosto amargo para os brasileiros. Inclusive ganhou o prêmio de finalização da noite, do ano e de reviravolta do ano.

Próximo da metade do primeiro round o Minotauro acertou alguns golpes contundentes no Frank Mir e começou um ground and pound potente que certamente iria acabar com a luta. Porém o Minotauro, faixa preta de Jiu-jitsu resolveu tentar finalizar o Frank Mir que estava visivelmente atordoado, Mir que também é especialista no jogo de chão, conseguiu reverter a posição e encaixou uma Kimura muito precisa. O Minotauro, talvez por não acreditar que estava perdendo o combate acabou não batendo e teve seu braço quebrado com a Kimura bem encaixada do Mir.

E em especial, na mesma noite o Lyoto Machida acabou também sendo finalizado pelo Jon Jones na qual acabou “dormindo” em pé. Uma noite realmente para esquecer.

3) Anderson Silva vs Weidman I e II

O Anderson Silva já era considerado uma verdadeira lenta do MMA, com o recorde de defesas de cinturão acabou encontrando no Weidman um destino cruel. Desde o princípio da luta que o Anderson exagerou um pouco na provocação, claro, muitas vezes é uma estratégia de luta, porém convenhamos ele passou dos limites. Passou tanto que esqueceu das primeiras aulas de trocação que é nunca deixar os pés paralelos, e foi assim que o Weidman acertou o cruzado que levou o Anderson a lona.

O segundo confronto o Anderson chegou mais focado, algumas provocações mas nada que se compare ao primeiro confronto. Porém o impensável aconteceu, ao aplicar um Low Kick o Weidman executou bem a defesa abrindo a canela para a lateral e acabou por lesionar da pior forma o Brasileiro. Que saiu aos prantos do octógono. Certamente a pior lesão que já aconteceu dentro do octógono do UFC.
Poderia facilmente ter encerrado a carreira do Spider, porém algum tempo depois o Spider voltou ao octógono, porém longe de sua velha forma.

4) Cigano vs Velasquez II

Depois de vencer o Cain Velasquez com o nocaute avassalador no primeiro round, todo mundo esperava uma nova vitória do Cigano. Porém não foi bem isso que vimos. O Cain usou muito bem seu Wrestling e colocou o Cigano de costas na grade aplicando vários golpes no estilo Dirty Boxe que acabaram com o brasileiro.

Foi duro de assistir a 5 rounds de um massacre em cima do brasileiro, e sempre esperando aquele overhand salvador, mas não era o dia do Cigano.

Desde desse dia o Cigano vem alternando vitorias e derrotas, com dois title-shot porém sendo derrotado as duas vezes, uma para o próprio Velasquez e outra para o Miocic.

5) Rafael dos Anjos vs Colby Covington

Mas recentemente tivemos uma decepção para o público brasileiro que pode ficar na nossa memória por muito tempo. Depois de vários meses do falastrão Colby Covington (ou Sid de Toy Story como prefiro chamar) perturbar os brasileiros falando mal do pais, das pessoas e sendo por muitas vezes bem raso em seus comentários. Foi marcado a disputa do cinturão interino entre o Rafael dos Anjos e o americano Colby Covington. Porém fazendo o legitimo jogo de Wrestling, o Colby anulou o Rafael e venceu a luta, calando os brasileiros e deixando um gosto amargo em todos nós.

Vocês lembram de mais alguma grande decepção para os brasileiros? Deixe nos comentários o que você lembrou!


Tarcio Martins

31 anos, Engenheiro, faixa preta de Taekwondo e praticante de MMA

Deixe uma resposta

As principais notícias do esporte que mais cresce no mundo, em um só lugar. 

Contate-nos:  

[email protected]

© Copyright 2015-2018 Tudo Sobre MMA| desenvolvido por: Vedrak Devs