Jon Jones recebe suspensão de 15 meses e pode voltar ainda em 2018

0

O retorno de Jon Jones pode estar próximo de acontecer. Nesta quarta-feira (19) a USADA (Agência Antidoping dos Estados Unidos) divulgou uma suspensão de 15 meses para o ex-campeão. A punição é retroativa pela data no qual foi flagrado – no dia 28 de julho de 2017 -, ou seja, “Bones” poderá voltar à partir do dia 28 de outubro.

Essa não é a primeira vez que o americano cai no exame antidoping. Em 2015, o lutador de Nova York foi flagrado em exame por uso de cocaína. Na época, não recebeu suspensão, tendo em vista que a USADA não coordenava os testes.

Em 2017, já com a Agência fazendo a regulamentação, Jon Jones foi punido pela entidade depois de testar positivo para clomifeno e letrozole (bloqueadores de estrogênio) na semana do UFC 200, no qual enfrentaria Daniel Cormier no confronto principal. Na ocasião, a luta foi cancelada com poucos dias antes do evento.

Leia também: Manuwa é retirado do UFC SP, e Eryk Anders enfrenta Thiago Marreta

Em mais um dos seus “retornos”, dessa vez em 2017, o ex-campeão dos meio-pesados regressou novamente contra Cormier. Jones venceu “DC” por nocaute técnico, entretanto, o combate foi revertido para “No Contest” após outra vez ter exames identificados com drogas.

Até o momento, não há adversário e nem data oficial para o retorno de Jon Jones.

Foto: Josh Hedges / Getty Images

Deixe uma resposta