UFC 232: Confira todos os salários do evento

0

O UFC 232, realizado em Los Angeles (USA), foi mais um evento que ficou para a história. E, como de praxe, após o evento, se é divulgado o valor dos salários dos atletas.

Mesmo perdendo em 51 segundos, a maior bolsa da noite foi para Cris Cyborg. A curitibana faturou US$ 540.000 (quinhentos e quarenta mil dólares), algo equivalente a aproximadamente a R$ 2.100.000 (dois milhões e cem mil reais). Já sua adversária, a campeã dos galos e penas feminino, Amanda Nunes, recebeu US$ 440.000 (quatrocentos e quarenta mil dólares), que gira em torno de R$ 1.700.000 (um milhão e setecentos mil reais).

Enquanto isso, os responsáveis pela luta principal do UFC 232 receberam a mesma bolsa. Jon Jones sagrou-se campeão novamente e faturou US$ 530.000. A mesma quantia foi paga para o sueco Alexander Gustafsson, faturamento, que se convertido, é em torno de R$ 2.050.000 (dois milhões e cinquenta mil reais).

Os salários expostos abaixo já é a somatória da bolsa para lutar, eventuais bônus para os vencedores, eventuais bônus de performances, luta da noite e patrocinadora.

Confira todos os salários do UFC 232

Jon Jones: US$ 530.000
Alexander Gustafsson: US$ 530.000

Cris Cyborg: US$ 540.000
Amanda Nunes: US$ 440.000

Carlos Condit: US$ 135.000
Michael Chiesa: US$ 106.000

Ilir Latifi: US$ 100.000
Corey Anderson: US$ 140.000

Chad Mendes: US$ 152.000
Alex Volkanovski: US$ 180.000

Andrei Arlovski: US$ 320.000
Walt Harris: US$ 82.000

Cat Zingano: US$ 55.000
Megan Anderson: US$ 63.500

Douglas D’Silva: US$ 26.000
Petr Yan: US$ 55.500

B.J. Penn: US$ 170.000
Ryan Hall: US$ 91.000

Nathaniel Wood: US$ 27.500
Andre Ewell: US$ 15.500

Uriah Hall: US$ 120.000
Bevon Lewis: US$ 15.500

Curtis Millender: US$ 39.500
Siyar Bahadurzada: US$38.000

Montel Jackson: US$ 19.500
Brian Kelleher: US$ 36.000

Foto: Brandon Magnus/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Deixe uma resposta