UFC 236: Em luta histórica, Israel Adesanya vence Kelvin Gastelum e conquista o cinturão interino dos médios

Apesar de um card principal até então pouco emocionante, o público do UFC 236 em Atlanta, Georgia (EUA) não pode reclamar da co-luta principal. Em um embate frenético, o nigeriano Israel Adesanya conquistou o cinturão interino da divisão dos médios ao bater o americano Kelvin Gastelum na decisão unânime em uma luta para lá de empolgante.

A luta: O confronto começou ambos lutadores estudando a distância. Gastelum aplicou bons golpes na aproximação na curta distância, enquanto Israel Adesanya respondia com chutes e socos na média para longa distância. Na segunda etapa, o combate seguiu movimentado, mas sem muita efetividade. Entretanto, Gastelum conectou um forte jab em Israel que balançou, mas suportou a pressão. Logo depois, o cenário mudou ao Israel Adesanya acertar um forte golpe de direita, derrubando Gastelum. Na reta final, o nigeriano ganhou confiança e acertou mais golpes na trocação franca. Abalado com a sequência de Adesanya, Kelvin não parava de andar para frente e buscava a luta.

O terceiro round concedeu fortes na metade para o final do assalto. Os dois lutadores não recuaram e continuaram na troca franca de golpes, demonstrando bastante técnica. Com um pouco mais de um minuto, Gastelum conseguiu quedar o nigeriano, mas não demorou para se recuperar e o duelo voltar a ficar em pé. No penúltimo round, Kelvin tentava lançar a mão esquerda, e Adesanya revidava com o direto de direita. O embate voltou a ficar quente, e em mais uma troca franca de golpes, Gastelum ressurgiu ao conectar um chute alto que abalou Adesanya.

Mais confiante, Kelvin Gastelum voltou ao último round pressionando Israel. O nigeriano respondeu com um chute. Em aproximação, Israel encaixou uma guilhotina, que por pouco não terminou a luta, depois, no chão, o nigeriano tentou um triângulo, porém, o incansável Kelvin Gastelum novamente escapou da finalização. Mais cansado, o americano virou alvo fácil de Adesanya, que aplicou uma forte pressão na reta final, mas sem tempo, o resultado foi para os juízes laterais, e por decisão unânime, Israel Adesanya saiu o vitorioso da co-luta principal da noite.

RESULTADOS DO UFC 236:

CARD PRINCIPAL:

Disputa de cinturão interino peso leve: Dustin Poirier venceu Max Holloway por decisão unânime (49-46, 49-49, 49-46)
Disputa de cinturão interino peso médio: Israel Adesanya venceu Kelvin Gastelum por decisão unânime (48-46, 48-47, 48,46)
Peso meio-pesado: Khalil Rountree venceu Eryk Anders por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-26)
Peso meio-médio: Dwight Grant venceu Alan Jouban por decisão dividida (29-28, 27-30, 29-28)
Peso meio-pesado: Nikita Krylov venceu Ovince St. Preux por finalização (mata-leão) aos 2:30 do segundo round

CARD PRELIMINAR:

Peso leve: Matt Frevola venceu Jalin Turner por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Peso mosca: Alexandre Pantoja venceu Wilson Reis por nocaute técnico (socos) aos 2:58 do primeiro round
Peso meio-médio: Max Griffin venceu Zelim Imadaev por decisão majoritária (29-27, 29-27, 28-28)
Peso galo: Khalid Taha venceu Boston Salmon por nocaute (soco) aos 0:25 do primeiro round
Peso meio-médio: Belal Muhammad venceu Curtis Millender por decisão unânime (30-26, 29-27, 29-27)
Peso galo: Montel Jackson venceu Andre Soukhamthath por decisão unânime (30-26, 30-27, 29-27)
Peso mosca: Poliana Botelho venceu Lauren Mueller por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Peso galo: Brandon Davis venceu Randy Costa por finalização (mata-leão) aos 1:12 do segundo round

FOTO: GETTY IMAGES

Israel Adesanya, Kelvin Gastelum, UFC


Kelvin Paulo

Estudante de jornalismo, 20 anos. Sinop MT. "O impossível é apenas uma questão de opinião".

Deixe uma resposta

As principais notícias do esporte que mais cresce no mundo, em um só lugar. 

Contate-nos:  

[email protected]

© Copyright 2015-2019 Tudo Sobre MMA| desenvolvido por: Vedrak Devs