Marlon Moraes comenta sobre revés: “Cometi um erro estratégico e paguei por isso”

O brasileiro Marlon Moraes avaliou como um erro estratégico seu revés na luta principal do UFC 238 neste sábado. O peso-galo teve um bom primeiro round, mas viu Henry Cejudo crescer no embate e terminar a luta no terceiro round por nocaute técnico.

“Eu fiz besteira. Na metade do segundo round ele cresceu na luta. Em vez de eu continuar na estratégia traçada, que era movimentar e não dar espaço para ele, eu acabei partindo para a trocação com ele, troquei muitos golpes na curta distância. Acho que a torcida foi fazendo um pouco de barulho e eu acabei embarcando. Eu cometi um erro e paguei por isso”, falou Marlon Moraes.

Perguntado sobre uma possível interrupção prematura do árbitro central faltando apenas dois segundos para o final do round, Marlon Moraes revelou que acredita que poderia voltar para a luta, mas rechaçou uma provável falha do árbitro.

“Eu não conseguia me defender bem, eu estava cansado. Acho que até daria para voltar para o quarto round, mas não tem desculpa. Foi minha culpa, eu não posso culpar os árbitros. Eu não me apresentei como vinha fazendo nos treinos”.

Mesmo frustrado com a derrota, Marlon crê que ainda é novo e ainda falou sobre o seu futuro na organização.

“Eu tenho 30 anos, sou novo ainda. Agora, tenho que voltar a treinar. Isso é tudo que eu tenho, se eu não fizer isso, o que vou fazer? Quero voltar a me apresentar bem e retomar o caminho até o topo”.

Foto: Getty Images

Marlon Moraes, UFC


Kelvin Paulo

Estudante de jornalismo, 20 anos. Sinop MT. "Pois o impossível é apenas uma questão de opinião".

Deixe uma resposta

As principais notícias do esporte que mais cresce no mundo, em um só lugar. 

Contate-nos:  

[email protected]

© Copyright 2015-2019 Tudo Sobre MMA| desenvolvido por: Vedrak Devs