UFC chega ao Uruguai!

Nesse final de semana o UFC chega pela primeira vez no Uruguai e já trás um bom card, com uma disputa de cinturão e alguns bons combates para assistirmos.

O importante processo de mundialização do UFC, mantendo seu status de ser a maior organização de MMA do planeta, o ultimate amplia sua abrangência, chegando ao 3º país da américa latina a receber o evento.

Vamos analisar os combates principais do evento!

Valentina Shevchenko vs Liz Carmouche

A campeã dominante da categoria, Valentina Shevchenko vai para mais uma defesa de cinturão (sua segunda defesa) contra a americana Liz Carmouche. “The Bullet”, como é conhecida a Valentina, vem de 3 vitórias expressivas (Priscila Cachoeira, Joanna Jedrzejczyk e Jessica Eye) e inclusive a última com o nocaute impressionante sobre a Eye. Já a Liz vem de duas vitorias e uma sequência instável dentro do evento. Me parece muito mais que faltava atleta para a Shevchenko do que realmente alguém que merecia a disputa, como a Liz foi a primeira atleta a vencer a Shevchenko no MMA (feito somente repetido pela Amanda Nunes em decisões muito controvérsias). Porém isso já tem quase 9 anos e desde lá a Shevchenko só perdeu para a Amanda Nunes e venceu 10 vezes, e a Liz venceu 8 e perdeu 6 vezes.

Diante disso, e pela incrível qualidade da Valentina, é dele todo o favoritismo, sendo considerado até um completo devaneio pensar em outro resultado que não a vitória da “the Bullet”.

Nesse momento, com uma categoria que carece de bons atletas, as únicas lutas que fazem algum sentido para a atleta Peruana seriam uma revanche com a Joanna Jedrzejczyk ou uma super luta com a Amanda Nunes.

Vincente Luque vs Mike Perry

Com promessa de luta da noite do UFC Uruguai, o Brasileiro Vincente Luque, que vem de 5 vitórias seguidas e figura no #15 do ranking dos meio-médios encara o americano Mike Perry. O Perry vem de vitória sobre o nosso Alex Cowboy e sempre da ótimos show em cima do octógono.

O Luque também faz o estilo “machão porradeiro”, embora tenha uma técnica em pé razoável acaba travando o queixo e mandando ver na porrada, e contra o Mike Perry que faz exatamente a mesma coisa, muito provavelmente teremos uma guerra que não deve durar os 3 rounds programados.

Esse estilo de porradeiro acaba por dar um ar de imprevisibilidade ao combate muito grande, pois o Luque não é dos queixos mais resistentes da categoria, também não é dos mais fracos. O Perry também está mais ou menos na mesma, mas me parece aguentar e absorver melhor os golpes. Particularmente eu nunca gosto desse estilo se for pensar na vitória pois normalmente esses caras quando enfrentam alguém mais técnico costumam a serem derrotados.

Embora goste muito do Vincente acredito que ele vai entrar na pilha do Perry e na trocação louca desvairada, acho que o Perry leva uma pequena vantagem, por isso acredito que o Brasileiro não sairá vencedor deste combate.

Fique de olho!!!

O Card do UFC Uruguai possui outros combates muito interessantes, que valem a pena ficar de olho, vou falar bem rápido sobre eles:

Verônica Macedo vs Poliana Viana

Duas atletas em recuperação, a Verônica vindo de 3 derrotas e a Poliana de 2, fazem o duelo do RH, certamente quem perder irá passar no RH, e neste duelo acredito que a Poliana será a vencedora.

Raulian Paiva vs Rogerio Bontorin

Dois atletas que veem do contender series, o Raulian vindo de derrota encara o Rogério que estreou no UFC com vitória. O Raulian é um bom atleta, com muito coração, porém peca pelo gás, já o Rogério tem um jogo de chão mais perigoso e consegue dosar melhor o gás. Considerando que o Raulian costuma a perder muito rendimento nos rounds finais e não defende quedas muito bem, aposto na vitória do Rogério.

Rodrigo Vargas vs Alex da Silva

Estreando no UFC o Rodrigo encara seu maior desafio até então. Até hoje não enfrentou nomes de alguma expressão, exceto pelo ex-UFC Mike de la Torre que também não é lá essas coisas. Já o Alex “leko” tem o cartel de 20-2 e vem de derrota no UFC mas lutou “médio bem” até ser envolvido na guilhotina. Acredito numa vitória do Alex por ser um atleta mais testado que o Rodrigo.

Alexey Kunchenko vs Gilbert Burns

Um dos maiores invictos do MMA atual, Alexey vai ao Uruguai como favorito sobre o brasileiro Gilbert Burns. O Brasileiro que caminha entre vitorias e derrotas a algum tempo, vem de duas vitorias seguidas e vai para suas 13ª luta no UFC. O Alexey tem o cartel de 20-0 e na sua 4ª luta no UFC, pelo momento da carreira acredito numa vitória do Alexey.

Rodolfo Vieira vs Oskar Piechota

Estreando no UFC, o multi-campeão de Jiu-Jitsu, Rodolfo Vieira (5-0) irá encarar o Oskar Piechota (11-1). O Oskar é um trocador com noções de chão, já o Rodolfo é um grappiling que só aprendeu a socar porque virou lutador de MMA, ou seja, se a luta for para o chão, o Oskar não deve durar muito. O Rodolfo é uma das maiores apostas da arte suave dentro do evento, e acredito que o Oskar não irá segurar o jogo em pé e deve ser finalizado pelo brasileiro.

Técia Torres vs Mariana Rodrigues

Ainda sem derrotas no MMA, a Brasileira precisa de um bom nome em seu cartel para dar um up na sua carreira, e a Técia Torres tem esse nome e vem de 3 derrotas seguidas porém apenas contra grandes nomes do evento (Zhang, Joanna Jedrzejczyk e Jessica Andrade) e tem a chance de tirar a invencibilidade de alguém e se manter na organização. Porém a Técia é uma grande lutadora, realmente de ponta na categoria e deve controlar melhor a luta em pé e vencer por decisão, porém se ela sair com a derrota do Uruguai, pode ser que seja convidada a passar no RH para uma conversa não muito agradável.

O evento tem ótimas lutas e mesmo não tendo um card recheado de estrelas, tem ótimos casamentos de luta e com certeza irão garantir um bom entretenimento.


Tarcio Martins

31 anos, Engenheiro, faixa preta de Taekwondo e praticante de MMA

Deixe uma resposta

As principais notícias do esporte que mais cresce no mundo, em um só lugar. 

Contate-nos:  

[email protected]

© Copyright 2015-2019 Tudo Sobre MMA| desenvolvido por: Vedrak Devs