Vídeo: Dana White manda recado para Johnny Walker

0

O jeito irreverente de lutar de Johnny Walker lhe rendeu uma dura crítica do Mandachuva do UFC, Dana White. O brasileiro chegou chamando atenção, com três lutas e três nocautes no primeiro round. No entanto, nem tudo são flores e, foi frente a Corey Anderson que provou do próprio veneno.

Em outras palavras, Walker foi nocauteado ainda no primeiro round no UFC 244 e, certamente, irritou seu patrão. O presidente Dana White não poupou o atleta e o criticou publicamente. Para o cartola, a irreverencia de Johnny Walker pode ter lhe custado caro. Além disso, declarou que a maior organização de MMA do mundo, não tem espaço para brincadeiras.

Leia também

— Jon Jones provoca Johnny Walker após derrota: “Já era meu presente de Natal”
— UFC 244: Jorge Masvidal vence Nate Diaz por nocaute

— Não se brinca nesse esporte, muito menos aqui no UFC. – Disparou o Dana White, se referindo a postura do lutador brasileiro dentro do octógono.

Como bom funcionário, o Walker não declarou nada sobre a crítica do chefe. O lutador usou suas redes sociais após a luta apenas para esclarecer uma polêmica levantada nos bastidores. Pois surgiu um rumor que o brasileiro provocou seu oponente no vestiário, mas foi prontamente negada a informação.

VÍDEO: Confira a luta que fez Dana White criticar Johnny Walker:

A luta foi encerrada aos 2 minutos e 7 segundos. A grande atuação de Corey Anderson lhe rendeu a bonificação de performance da noite. Ou seja, além da sua bolsa pela luta, prêmio pela vitória, ainda faturou U$ 50.000 (cinquenta mil dólares). Se convertida para o Real, a quantia de bônus arrecadada por Corey Anderson é em torno de R$ 200.000 (duzentos mil reais).

Deixe uma resposta