Mesmo sem ritmo, Jon Jones impõe seu jogo e vence Ovince St-Preux

0

Em luta de segurança, Jon Jones vence por decisão unânime dos juízes. 

Foto: UFC

Depois de um longo tempo afastado, o retorno de Jon Bones Jones esteve bastante comprometido, o duelo que de inicio seria contra Daniel Cormier, foi adiado faltando apenas três semanas para o evento, então Ovince St-Preux recebeu o chamado, e de prontidão aceitou a luta para salvar o card do UFC 197.

Jon Jones começou o combate melhor, com um pisão lateral, mas o Ovince St-Preux não tinha o que perder e não se intimidou com o retorno e o favoritismo do novaiorquino. O inicio de luta foi bastante tenso, os lutadores controlaram a distância e não se tocava com sequencia. Já no último minuto do round foi que Jon Jones já se mostrou mais agressivo, somando pontos e levando o primeiro round.

O combate voltou para o segundo round mais agressivo, com uma certa dificuldade de aplicar queda, nos primeiros minutos deste round, Jon Jones viu o St-Preux ligeiramente a frente dele, sendo mais contundente e golpeando mais. Mas faltando 2 minutos Bones encurralou seu adversário da grade e conseguiu bons golpes, mas St-Preux  desferiu um  potente golpe no rosto de Jones. O restante do round foi na trocação, golpe e contra-golpe imediato, sendo finalizado  com um lindo chute giratório de Jon Jones em cheio no St-Preux, podendo ser 10 a 9 para qualquer um.

O terceiro round, Jon Jones aplicou uma sequencia de pisões laterais, maltratando o joelho de St-Preux, que duramente não demonstrava sentir os golpes do ex campeão, mas a desenvoltura de Jones dentro do octogono só crescia, St-Preux passou a aceitar os golpes de Jones, onde ele conseguiu conectar cotovelada giratória, joelhada frontal e um direto.

St-Preux pareceu sentir o gás no meado do terceiro round, uma vez que fez um camp de de apenas três semanas. Bom para o Jones, que usou e abusou de suas armas, como os pisões laterais e chutes na linha de cintura, sendo conectado quase todos eles. Com o regulamento embaixo do braço, Jones cadenciou o restante do round e venceu por 10 a 9.

O quarto round foi mais estudado por parte de Jones, St-Preux voltou um um pouco melhor, mas a fata de ritmo do Jones não foi um problema grave para ele, nos minutos finais, como de costume, o novaiorquino conseguiu cravar uma linda que e se impôs no round, posteriormente conseguindo aplicar outra queda, que por sua vez, caiu na posição que ele é especialista.

Depois de aplicar a segunda queda do round, Jon Jones caiu na posição de 100kg, e começou a trabalhar as suas cotoveladas, tendo frustrado a tentativa de se levantar de St-Preux e conseguindo a montada, e dando uma verdadeira surra nos últimos vinte segundos de round.

Jon Jones voltou para o ultimo round com a mesma estratégia de fazer uma luta segura, Ovince é um atleta muito duto, e até mesmo o ex-campeão tem que respeita-lo.

Os golpes de St-Preux não tinham a mesma potencia do início da luta, mesmo rodando no octógono, ele estava visivelmente lente, aproveitando a oportunidade jones, o encurralando, agarrando as pernas do seu oponente e cravando uma linda queda no centro do octógono.  O restante da luta foi apenas o Jon Jones administrando a vitoria por cinco rounds a zero.



Deixe uma resposta