RAPIDINHAS DA TSM: Confira tudo sobre o UFC 190

0

Ronda Rousey foi a mais festejada no treino aberto do UFC RIO 7 e se diz emocionada 

  Finalmente está chegando a hora esperada, Ronda Rousey e Bethe Correia cravarão uma disputa para saber quem ficará com o titulo dos pesos galos femininos. Há muito tempo as duas atletas vêem se provocando veementemente e algumas vezes passando até dos limites.
  Depois do treino aberto que houve no Rio de Janeiro a campeã Ronda Rousey foi a mais festejada pelo público. A americana se mostrou surpresa e declarou está emocionada.
 “Eu estava otimista quanto à torcida, mas com o pé atrás. Não ficaria com raiva se eu viesse aqui e todos me vaiassem. Eles têm o direito de fazer isso. Mas me surpreendi e fiquei muito feliz com o carinho dessas pessoas que eu tanto respeito. A recepção que tive aqui enche meu coração. Agora, quero fazer por merecer. Quero viver o filme Rocky 4, e trazer a torcida para o meu lado. A Bethe falou uma coisa certa pelo menos. Ela disse que o povo brasileiro merece que o cinturão fique aqui, então, quando eu vencer, vou garantir que ele fique aqui no Brasil – não vou levá-lo para os EUA”, assegurou.
  Bethe deu uma declaração, onde disse que Ronda iria querer se matar após perder o cinturão para ela. O que a paraibana falou foi muito mal recebido pela americana, que chegou a chora ao dar entrevista, lembrando que seu pai se suicidou quando ela ainda era criança. Ronda Rousey comentou sobre o fato e sobre os pedidos de desculpa da brasileira.
  “Eu não acredito nela. Como você pode saber de tantos fatos da minha vida sem saber disso? Eu não sei se fiquei mais insultada pelo que ela disse ou pela tentativa frustrada de pedir desculpas. Porque ela não se desculpou, ela disse: ‘Sou humilde o suficiente para pedir perdão’. Então, ela se elogiou e pediu perdão sem se desculpar. E era uma mentira. Essa é, definitivamente, a luta mais pessoal da qual já participei. É a maior pressão que eu já suportei”, comentou a americana, indignada com Bethe.
“E essa é mais uma razão que mostra que Bethe não nasceu para ser campeã. Ela disse que não está sentindo pressão nenhuma e que vai se sair bem por isso. Então, você luta melhor com menos pressão? Se isso é melhor para você, você não foi feita para isso. Eu, pelo contrário, quanto mais pressão recebo, melhor eu luto. Vou mostrar ao mundo do que sou feita”, concluiu.  

Bethe correia declara que Ronda Rousey se faz de coitadinha

  A hora do combate se aproxima e, com tudo isso, os ânimos para o evento sobem ainda mais. A paraibana arretada se mostrou bastante confiante para esse combate e, prometeu roubar a cena no UFC 190. em bate-papo com os repórteres Bethe deu declarações que exaltavam a sua confiança e muitas coisas mais.
 “Estou prontíssima, preparada. Minha mão vai entrar. Quero mostrar que eu posso. Isso é MMA. Eu não sou atleta de uma área só. A Ronda sim, ela só sabe Judô. Ela esta aprendendo o que é MMA agora, e eu vou ensinar para ela de fato. Eu nasci para isso, com uma missão, e eu sei que tudo isso vai voltar para as pessoas. Com esse título vou poder fazer muitas coisas boas. Eu quero isso e eu vou buscar. Não adianta você se tornar conhecida, mas passar despercebida sem deixar nenhuma semente boa no mundo”, afirmou a peso-galo Bethe.
Confira a converça da desafiante com a imprensa:

– Confiança para o duelo
  Eu sempre fui muito confiante, mas a minha confiança existiu basicamente pela minha história, porque eu tive que desafiar o mundo inteiro para ser uma lutadora de MMA. E consegui. Eu tenho uma missão, e sábado vou realizar ela.
– Favoritismo da atual campeã
  É tudo uma questão da imagem que fizeram da Ronda como uma mulher imbatível, invencível, uma grande heroína americana. Só por isso. Mas eu estou aqui para mostrar que isso tudo é uma farsa, eu vou ganhar e ser a campeã.
– Ponto forte da Ronda Rousey
  Eu confio muito em mim. O meu ponto forte supera qualquer ponto forte dela. A Ronda nunca trocou, e eu acredito que quem vem de tanto tempo na luta agarrada tem uma grande dificuldade para trocar. Em 11 lutas ela nunca trocou com ninguém, só adaptou um pouco do Boxe para as suas quedas. Eu treinei Judô, Jiu-Jitsu, Boxe, treinei tudo… Eu quero evitar a queda, claro, mas se eu cair não tem problema nenhum. Eu vou me levantar, raspar, vou reverter de alguma forma. Queda não ganha luta, mas um nocaute sim.
– Provocações sobre término rápido
  Ela sabe que não vai conseguir sair da luta comigo de forma rápida. Isso é uma justificativa para os fãs dela, a Ronda não pode garantir que vai trocar bem, me nocautear, porque ela nunca trocou com ninguém. As lutas delas são todas agarradas… E eu não. Eu sei o que é um soco na cara. A luta para mim vai ser rápida, mas de outro jeito. Minha mão está pesada, afiada, e eu vou para nocautear ela no primeiro round.
– Caso envolvendo o pai da Ronda
  Eu acho que foi maluquice da cabeça da Ronda. Quem viu a entrevista sabe que eu não falei nada da família ou do pai dela, ela tirou isso da cabeça. E quem quis promover isso para a luta foi ela própria. Não podia ver uma câmera, um repórter, que se fazia logo de coitadinha. A Ronda sempre foi a vilã, a arrogante, mas como ela quer se aposentar, só fala nisso, quer o público apaixonado por ela, então agora ela quer ser a mocinha. Ela veio pro Brasil com a intenção de me humilhar no meu país. Ela realmente quis botar uma pressão com esse tema, botar o público contra mim. Mas eu confio no meu povo. Até porque, ou ela e uma ótima atriz, ou realmente é muito abalada com esse tema para ficar como ficou.

– Apoio durante treino aberto
  Fui super aplaudida. A galera toda torceu por mim, todo mundo gritou Brasil. O povo brasileiro precisa de uma campeã daqui, da heroína. A única figura de herói feminino no MMA até o momento é a Ronda, então acaba que fica essa atenção em cima dela.

– Exemplos de Werdum e Dos Anjos
  Me motivaram bastante (os títulos de Fabrício Werdum e Rafael dos Anjos). Assisti os combates dos dois e fiquei impressionada. Eu sabia da dificuldade deles, os brasileiros entrando como azarões, mas sei que dos três eu sou a mais zebra de todas (risos). Vai ser a luta mais impressionante de todas essa contra a Ronda. Tenho certeza que vai ser a luta do ano, que gerações e gerações vão falar nela. Vou escrever meu nome na história no sábado.

– Preparação para o combate
  Estou prontíssima, preparada. Minha mão vai entrar. Quero mostrar que eu posso. Isso é MMA. Eu não sou atleta de uma área só. A Ronda sim, ela só sabe Judô. Ela esta aprendendo o que é MMA agora, e eu vou ensinar para ela de fato. Eu nasci para isso, com uma missão, e eu sei que tudo isso vai voltar para as pessoas. Com esse título vou poder fazer muitas coisas boas. Eu quero isso e eu vou buscar. Não adianta você se tornar conhecida, mas passar despercebida sem deixar nenhuma semente boa no mundo.

CARD COMPLETO:

UFC 190
Rio de Janeiro, Brasil
Sábado, 1 de agosto de 2015

Card principal
Ronda Rousey x Bethe Correia
Mauricio Shogun x Rogério Minotouro
Fernando Açougueiro x Glaico França
Dileno Lopes x Reginaldo Vieira
Stefan Struve x Rodrigo Minotauro
Antônio Pezão x Soa Palelei
Cláudia Gadelha x Jessica Aguilar

Card preliminar
Demian Maia x Neil Magny
Rafael Feijão x Patrick Cummins
Warlley Alves x Nordine Taleb
Iuri Marajó x Leandro Issa
Vitor Miranda x Clint Hester
Hugo Wolverine x Guido Cannetti

Deixe uma resposta