Mais um lutador preso por violência doméstica

  O que será que anda acontecendo com os atletas de MMA que pertence a essa nova geração ? não sei se dinheiro e fama vem mexendo com a cabeças desses lutadores, mas ultimamente tem se tornado bastante rotineiro manchetes de sites, revistas e jornais, que notificam casos de lutadores de MMA sendo presos por violência domésticas. Estes lutadores vem manchando o nome das nobres artes marciais com atitudes que não são ensinadas nos rings, tatames etc, Mas o que os leigos do mundo das lutas não sabem, é que o principal principio aprendido nas praticas de artes marciais, é o RESPEITO.
  Os 2 últimos casos mais recentes que me vem a cabeça, sobre lutadores que tiveram atitudes que mancham todo um legados construído pelo MMA, foi o caso do Ex campeão Jon Jones, se se envolveu com drogas e vários escândalos, deixando até mesmo de socorrer uma mulher grávida que ele havia causado um acidente que feriu ela. Outro caso recente, foi do peso pesado lutador do Ultimate Travis Browne, que ai, entramos mais especificamente no caso principal para está matéria. o peso pesado do UFC foi acusado de agressões pela sua esposa, o caso de violência doméstica foi divulgada através das redes sociais da própria vitima, que resultou na suspensão do atleta para averiguação dos fatos.
  Dessa vez, o acusado de violência doméstica foi o ex-lutador do UFC Chris Leben. Ele foi preso na última semana em San Diego (EUA), e está sendo acusado de várias coisas, dentre tais acusações, se encontram: violência doméstica, porte ilegal de arma e vandalismo. O julgamento de Leben acontecerá no dia 8 de agosto e, nesse julgamento ficará decidido se ele terá direito à fiança, estipulada em aproximadamente US$ 100 mil (R$ 336 mil, pela cotação atual).

  Para quem não está lembrando de Chris Leben, o veterano atleta alcançou a notoriedade após sua participação no TUF 1 e também é conhecido por ser o primeiro oponente da lenda viva, Anderson Silva, onde o brasileiro triunfou sobre ele com poucos segundos de luta.
  O ex- campeão do extinto WEC, hoje tem 35 anos ele está aposentado e em seu recorde de lutas tem 22 vitorias e 11 derrotas. encerrou a carreira em baixa, vindo de 4 derrotas seguidas. Sua ultima luta como profissional foi contra Uriah Hall onde perdeu por nocaute técnico (desistência), esse reves aconteceu no UFC168 que teve como luta principal a revanche entre Chris Weidman x Anderson Silva, no dia 28 de dezembro de 2013.

Notícias

Deixe uma resposta

As principais notícias do esporte que mais cresce no mundo, em um só lugar. 

Contate-nos:  

[email protected]

© Copyright 2015-2018 Tudo Sobre MMA| desenvolvido por: Vedrak Devs