Cheia de moral com o UFC, Amanda vai tentar disputar o cinturão da categoria a cima. (foto: Brandon Magnus/Zuffa LLC)

A baiana Amanda Nunes se tornou campeão na lendária edição de número 200 do UFC. Na ocasião a “Leoa” atropelou a americana Miesha Tate, casca dura da categoria e já aposentada, Amanda venceu por finalização mata-leão e se sagrou campeã.

Na última noite de eventos do UFC no ano de 2016, Amanda Nunes fez a sua primeira defesa de cinturão, a brasileira tinha a tarefa de bater em Ronda Rousey, que já havia devastado a categoria, porém Amanda não tomou conhecimento da adversária e de forma avassaladora venceu por nocaute em apenas 48 segundos de luta.

Cheia de moral com a organização após essas duas grandes vitórias, Amanda Nunes revelou em entrevista ao “TMZ” que irá tirar férias e que após isso deve seguir os passos do irlandês Conor McGregor e disputar o cinturão de outras categorias.

– Honestamente, eu quero tirar um tempo, aproveitar um pouco, mas eu estou de olho neste cinturão dos pesos-penas. Talvez eu suba e lute pelo título dos penas. Vamos ver. Talvez eu tenha dois cinturões como Conor McGregor – declarou a lutadora.

Se de fato subir para a divisão dos penas recém criada, Amanda deve enfrentar a vencedora da luta prIncipal do UFC 208, onde Holly Holm e Germaine De Randaime cravarão a batalha para descobrir a primeira campeã da categoria no dia 11 de fevereiro em Brooklyn.



 

Loading Facebook Comments ...