Além de Werdum, Cigano acusou Overeem de fugir dele. (foto: Josh Hedges/Zuffa LLC )

Ao que parece, a novela entre os pesos pesados brasileiros Junior ‘Cigano’ dos Santos e Fabrício ‘Vai Cavalo’ Werdum chegou ao fim ou, pelo menos deu uma trégua. Ambos ex-campeões da categoria, corriqueiramente trocavam farpas publicamente e até mesmo algumas ofensas pessoais, mas a página virou para ‘Cigano’.

Em entrevista para o portal americano ‘MMA Mania’, Junior ‘Cigano’ dos Santos abriu o jogo e revelou que Fabrício Werdum recusou lutar com ele novamente por três vezes. Eles já haviam se enfrentado no ano de 2008, a luta aconteceu no UFC 90, nos Estados Unidos e Cigano nocauteou ‘Vai Cavalo’ ainda no primeiro round.

Além de Werdum, Junior ‘Cigano’ citou o nome de Alistair Overeem na entrevista, segundo o brasileiro, o grandalhão teve o combate contra ele oferecido por duas vezes e, foi negado em ambas.

– Por que eu deveria lutar com esse cara (Werdum)? Ele negou me enfrentar por três vezes. Ele chegou a liderar o ranking da divisão, e eu pensei que poderíamos fazer uma boa luta. Mas agora, depois dele me descartar por três vezes, eu é que não quero enfrentar ele mais. Ele não acrescenta nada à minha carreira. Vamos ver no futuro, mas, segundo o UFC me passou, ele não quis lutar comigo por três vezes e o Overeem me negou duas vezes. Esses caras só querem me enfrentar quando eu ofereço algo de, realmente, bom para eles. Fora isso, eles sabem o que faço dentro do octógono. Estou chegando para ser campeão de novo – disparou Cigano.

Agora de olho no futuro, ‘Cigano’ deixou de lado os lutadores já citados e mira fazer a suas quarta luta contra Cain Velásquez. Depois de três encontros, ‘Cigano’ venceu um e Velásquez saiu com o braço erguidos os outros.

– Esta é uma luta que tenho certeza que gostaria de fazer de novo. Espero que ele possa se recuperar da cirurgia que fez. Quero lutar com ele novamente, sinto que tenho que fazer essa quarta luta. Depois da terceira vez, Cain disse que seria a última, mas ele estava errado. Não sei o que vai acontecer no futuro, mas espero que ele se recupere porque iria ficar muito feliz de enfrentá-lo de novo. As coisas são diferentes agora. É o momento da verdade – Contou o lutador.

Com 33 anos de idade, Cigano tem um total de 22 lutas como lutador profissional de MMA, saindo como vencedor em 18 oportunidades. Mesmo vivendo altos e baixos na carreira, as suas 12 vitórias por nocaute ainda o faz um lutador muito respeitado na categoria.

Loading Facebook Comments ...