Foto: Reprodução/ MMA Weekly

A relação entre os principais atletas vetaranos do UFC e a organização está longe de ser das melhores. Atualmente tem sido fato corriqueiro atletas de pesos usarem a imprensa para fazer desabafos contra a maior organização de MMA do mundo, que é presidida pelo americano Dana White.

Anderson ‘The Spider’ Silva foi o atleta da vez a questionar a organização a qual está vinculado. em entrevista ao programa norte-americano “The MMA Hour” o brasileiro já acusou o UFC  de não respeitar a sua história e, além disso, deu um ultimato na organização para lutar no Rio de Janeiro. A pancada da vez foi em relação ao retorno de GSP, atleta que passou quatro anos fora e parado, mas quando cogitou em voltar, já foi credenciado a uma luta pelo cinturão.

“Na minha cabeça, na minha opinião, é um desrespeito com os outros lutadores da categoria. É uma palhaçada. É um desrespeito com os outros atletas. Estou muito decepcionado com o Dana. Eu estou cansado, eu não preciso mais disso. Não acredito em nada que o Dana fala, porque nada acontece. Ele e Lorenzo falaram para mim que, quando o GSP voltasse, eu o enfrentaria em uma superluta. Eu disse: “Ok”. E, um dia, o GSP resolve voltar e vai lutar pelo cinturão? Isso não faz sentido, meu Deus!”, disparou Anderson.

Aos 42 anos de idade, ‘The Spider’ sonha em lutar no UFC 212 no dia 03 (três) de junho de 2017, na cidade do Rio de Janeiro, aqui no Brasil. Como lutador profissional de MMA, tem 43 lutas, e saiu como vencedor em 34 oportunidades, sendo a maioria por nocaute.


Loading Facebook Comments ...