Foto: Divulgação | Thunder Fight.

Enfim chegou a hora de uma das maiores lutas do cenário atual de MMA acontecer: Flavio Alvaro e Maurício Facção se enfrentam na luta principal do Thunder Fight 11, no dia 04 de agosto em São Paulo, no Ginásio Mané Garrincha. Se o Thunder Fight não havia anunciado nenhuma edição ainda em 2017, a organização do evento chega fazendo barulho no cenário nacional ao anunciar uma das lutas mais aguardadas pelos fãs de MMA acompanhado de um card dos mais bem elaborados pela organização que já é conhecida pelas boas lutas casadas.


Flavio Alvaro é um veterano no MMA e além de ser conhecido pelo ótimo muay-thai, sempre chamou a atenção para suas lutas usando provocações e entradas memoráveis. Ao longo da carreira foram 61 lutas e 49 vitórias, um cartel impressionante para um atleta de um dos esportes mais difíceis da atualidade. Acostumado a atuar na categoria dos leves, Flavio topou baixar mais dois quilos para enfrentar Facção em peso casado de limite 68,500. Flavio já atuou pelo Thunder Fight, na primeira edição do evento ao vencer Ermessom “Legal” e apesar de ter anunciado recentemente que havia se aposentado das competições o desejo de lutar falou mais alto e agora se prepara para um novo desafio.


O estilo provocador não é exclusividade de Flavio Alvaro neste combate. Maurício Facção pode ser chamado de Conor McGregor ou Chael Sonnen brasileiro pois sempre soube usar e muito das provocações para chamar a atenção para seus combates. Dessa vez não é diferente e pelas redes sociais os atletas trocam provocações através de textos, vídeos e promessas de vitórias das mais variadas. Será a estreia de Maurício Facção na organização e o mineiro quer impressionar o público com uma atuação memorável, para isso segue forte seu calendário de treinos para chegar pronto em agosto.

ANDRÉ MOTOCA DEFENDE O CINTURÃO CONTRA O EMBALADO GUIDO SANTOS:

A luta co-principal da noite também será um dos destaques do card do Thunder Fight 11. O campeão do peso-galo, André Motoca colocará pela primeira vez seu reinado em jogo quando enfrenta Guido Santos, um dos destaques do Thunder Fight até o momento.


André Motoca conquistou seu cinturão ao derrotar Junior Maranhão, no Thunder Fight 5, em 2015. Desde então algumas lesões atrapalharam o retorno do campeão que agora está apto para o combate e sabe da responsabilidade que carrega. Acostumado a ter o jogo de chão como sua principal arma, dessa vez Motoca terá outro grande finalizador pela frente.


Guido Santos fez sua estreia no Thunder Fight na quarta edição do evento e agora soma 4 vitórias no evento, sendo 3 finalizações e uma decisão dos jurados. Em seu último combate venceu Iliarde Santos o que rendeu o credenciamento para ser o desafiante ao cinturão. Com um jogo bem efetivo no solo, para Guido também será a vez de fazer um jogo equilibrado no solo.


O Thunder Fight 11 acontece no dia 04 de agosto no ginásio Mané Garrincha em São Paulo. Os pontos de vendas de ingressos são as academias de cada atleta presente no card. Veja abaixo o card oficial até agora:

Confira abaixo o card (sujeito a alterações) do Thunder Fight 11: Álvaro vs. Facção:

  • Flavio Alvaro vs Mauricio Facção
  • André Motoca vs Guido Santos
  • Sapo Capoeira vs Cicero Gardenal
  • Bruno Suema vs Zé Reborn
  • João Paulo vs Felipe Buakaw
  • Wagnão Luis vs Leonardo Cabeção
  • Leonardo Buakaw vs Gustavo Oliveira
  • Tonhão Nardoni vs Michael Oliveira
  • Danilo Adreani vs Rafinha do Bronx
  • Valdemiro Bezerra vs Deisivaldo Ferreira
Loading Facebook Comments ...