Tyron Woodley, campeão dos meio-médio do UFC. (Imagem: MMA Junkie)

O atual campeão do peso meio-médio, defendeu o seu título no último sábado (29), contra o brasileiro Demian Maia e, a luta pacata, foi alvo de críticas por parte do presidente da organização.

As críticas por parte de Dana White foram feitas de forma pública na tradicional coletiva de imprensa que é realizada ao final de cada evento. Com o UFC 214 não foi diferente, a coletiva aconteceu e, o mandachuva declarou que se Woodley não lutar correndo riscos, não será recompensado.

– Quem quer pagar para ver o Woodley lutar dessa forma? Se você não aceita riscos, você não é recompensado – Disparou Dana White.

O lutador por sua vez, em entrevista para ‘The MMA Hour’, afirmou que não se importava com as vaias durante o combate e nem com os comentários feito pelos fãs do esporte. Além disso, Woodley ainda disparou contra Dana e justificou a luta morna, alegando ter deslocado o ombro ainda no primeiro round.

– Eu não me importo tanto com os fãs, mas se o seu trabalho é de promoter, promova a porta dos seu lutadores! Promova o seu campeão ! Não denigre o seu campeão! Eu desloquei o ombro no primeiro round. Não consegui dar socos efetivos depois.

Loading Facebook Comments ...