8 lutadores são demitidos do UFC

1

A terça-feira (11), começou mais amarga para alguns lutadores, o RH (Recursos Humanos) do Ultimate volta a trabalhar e dessa vez oito lutadores  foram demitidos do UFC.  Dessa vez, estão na lista dos demitidos dois brasileiros, que não conseguiram engrenar no maior evento de MMA do mundo.

Ouça nosso podcast: Spotify | Deezer | Itunes
 

Entre os demitidos  do UFC da vez, está Ben Saunders (peso meio-médio), Brandon Davis (peso-galo), Daniel Spitz (peso-pesado), Grigory Popov (peso-galo), Jin Soo Son (peso-galo), Junior Albini (peso-pesado), Kalindra Faria (peso-mosca), Nathan Coy (peso meio-médio).

Com exceção do veterano Ben Saunders, todos os atletas demitidos do UFC fizeram pouquíssimas lutas dentro da organização. Mas como já é de praxe, quem tem sequência de derrotas, está na corda bamba e dessa vez, esse caíram.

Confira o desempenho dos demitidos do UFC:
Ben Saunders – 20 lutas no UFC, perdeu 10 e venceu 10. (sequência de 4 derrotas seguidas);
Brandon Davis – 7 lutas no UFC, perdeu 5 e venceu 2. (sequência de 2 derrotas seguidas);
Daniel Spitz – 4 lutas no UFC, perdeu 3 e venceu 1. (sequência de 2 derrotas seguidas);
Grigory Popov – 2 lutas no UFC, e não venceu nenhuma;
Jin Soo Son – 2 lutas no UFC, e não venceu nenhuma;
Junior Albini – 5 lutas no UFC, perdeu 4 e venceu 1. (sequência de 4 derrotas seguidas)
Kalindra Faria – 3 lutas no UFC, e não venceu nenhuma;
Nathan Coy – 3 lutas no UFC, perdeu 2 e venceu 1. (vem de 1 derrota).

Agora oficialmente sem contrato com nenhuma organização de MMA, os oito atletas demitidos do UFC estão livres para migrarem para outros eventos de MMA e tentarem reencontrar o caminho das vitórias em novos ares.

1 comentário
  1. Andre Diz

    Sem duvida nenhuma Dominick Reyes venceu nao sei onde viram decisao unanime para Jon Jones

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: