Dana White mostra arrependimento e critica Romero: “Não fez nada”

0

Se os fãs não gostaram nenhum um pouco da luta principal do UFC 248 neste sábado em Las Vegas, o presidente da companhia, Dana White, também não ficou nenhum pouco contente com o confronto entre o nigeriano Israel Adesanya e o cubano Yoel Romero.

O dirigente da organização não poupou palavras para criticar a performance de Romero, e ainda revelou arrependimento em ter casado a luta.

“Eu estou chocado. O Romero sabia que era essa sua última oportunidade de disputar um cinturão. Eu achei que ele fosse pressioná-lo, tentar quedas e tentar nocauteá-lo, mas ele literalmente não fez nada disso. Agora, o Adesanya, ele fez uma luta inteligente. Ele se manteve na distância, maltratou a perna ele, acertou bons socos e fez o que tinha que fazer. Romero ficou se movimentando tentando parecer que ele queria lutar, mas ele nunca quis fazer isso. Provavelmente a gente não deveria ter feito essa luta e sim ter esperado pelo Costa (Paulo Borrachinha). Mas nós fizemos”, desabafou Dana.

Confira os resultados do UFC 248

Dana White classificou com uma luta “terrível”, defendeu as ações de Adesanya no octógono, mas voltou a criticar o desempenho do desafiante.

“Essa foi uma luta terrível. Se você olhar para o UFC e há quanto tempo a gente vem fazendo isso, você pode colocar em uma mão todas as lutas de me*** que a gente faz. É preciso de dois para uma luta. Se alguém entra lá e não quer trocar (golpes) ou não quer lutar, principalmente contra um cara como o Adesanya que tem tanta coisa em jogo… Esse é o jeito dele. Ele vai se retrair e minar o oponente do jeito que ele fez. Aquela perna (do Yoel Romero) estava destruída. Ele vai ter problemas em pisar no chão hoje. Aquela perna está bem machucada. O Adesanya fez o que tinha que fazer para vencer na minha opinião. Por que correr e ir para cima igual um louco contra um cara que é perigoso mas não queria estar lutando?”, disse Dana.

Curta o ‘Tudo Sobre MMA’ no Facebook! 

Deixe uma resposta