Foto: Jeff Bottari
Gegard Mousasi (Foto: Reprodução)

A ex-campeã do peso galo do UFC vive, sem sombra de dúvida, o momento mais conturbado de toda sua carreira como lutadora de MMA. Após emplacar uma sequência de doze vitórias consecutivas, que a levou ao topo do mundo, Ronda Rousey conheceu o revés contra Holly Holm e repetiu o amargo gosto da derrota logo em seguida contra Amanda Nunes.

Esses dois últimos combates da americana causaram uma instabilidade na carreira da atleta. O futuro de Ronda Rousey hoje é incerto para o mundo das lutas e, para Gegard Mousasi, a ex-campeã dominante não tem habilidade para a luta em pé e não passa de uma invenção dos profissionais da imprensa, como garantiu em entrevista para o site MMA Figthing.

– “Ela é uma boa lutadora, ela tem a mentalidade de lutadora, mas ela não tem as habilidades de uma lutadora em pé”. – indagou Mousasi.

-“Como a mídia pode fazer dela uma das melhores lutadoras se ela não consegue nem chutar ou dar um soco? Isso é que nem a Serena Williams jogar sem um backhand (jogada típica de tenista, rebatendo a bola no fundo da quadra). Como eles a fizeram a melhor lutadora de todos os tempos?” – finalizou o lutador.

Segue como incognita o retorno de Ronda Rousey ao MMA, o que se sabe de fato, é que agora a atleta está trabalhando em um seriado da TV americana. Aos 30 anos de idade, Ronda tem 14 lutas como profissional de MMA, sendo destas, 12 vitórias consecutivas, onde poucas passaram do primeiro round.

Já Gegard Mousasi vive grande momento em sua carreira, aos 31 anos, o iraniano emplacou sua quinta vitória consecutiva no Ultimate sobre o ex-campeão Chris Weidman é o atual 4º colocado do ranking dos médios, com 50 lutas e 42 vitórias na carreira.