Bellator 185: Gegard Mousasi vence Shlemenko na decisão em estreia; Neiman Gracie finaliza Zak Bucia e segue invicto na carreira

Gegard Mousasi é um dos únicos atletas do mundo a lutar no PRIDE FC, Strikeforce, UFC e Bellator. Armênio estreou com vitória em cima de um ex-campeão da categoria na franquia (Foto: Bellator).

Foi realizado nesta sexta-feira (20), na conhecidíssima Mohegan Sun Arena em Uscasville, Connecticut, nos Estados Unidos, a edição de Nº 185 do Bellator, organização que segue sendo presidida por Scott Coker e crescendo mais e mais no cenário mundial do Mixed Martial Arts, devido a contratações de peso nos últimos meses, inclusive, nesta edição, uma delas estreou com o é direito após deixar a organização ‘rival’, o Ultimate Fighting Championship.

Ex-campeão do extinto Strikeforce e vindo em uma fase espetacular em sua carreira, o armênio/holandês Gegard Mousasi venceu bem o russo ex-campeão da categoria no Bellator Alexander Shlemenko na luta principal, por decisão unânime dos árbitros laterais, decisão esta, muito contestada por fãs e especialistas, mas que mesmo assim, não irá mudar o resultado do combate.

Na luta co-principal, o norte americano (abrasileirado) Neiman Gracie venceu mais uma em sua carreira. A vítima da vez foi Zak “Crash” Bucia, que fazia sua estreia no cage redondo. Neiman encaixou um lindo ‘neck crank’ para forçar seu experiente compatriota a dar os famosos ‘três tapinhas’ e no final, duas lendas da família Gracie entraram na ‘jaula’ para comemorar junto a Neiman o seu sétimo triunfo consecutivo, mantendo sua invencibilidade na carreira e anotando sua segunda vitória seguida no Bellator.

Confira abaixo os resultados completos do Bellator 185: Mousasi vs. Shlemenko:

Card Principal:

Gegard Mousasi derrotou Alexander Shlemenko por decisão unânime dos juízes;

Neiman Gracie derrotou Zak Brucia por finalização com um neck crank aos 2m:27s do segundo round;

Kristina Williams derrotou Heather Hardy por nocaute técnico (parada médica) aos 2m:00s do segundo round;

Ryan Quinn derrotou Marcus Surin por decisão unânime dos juízes;

Lisa Blaine derrotou Ana Julaton por decisão dividida dos juízes.

Card Preliminar:

Johnny Lopez derrotou Billy Giovanella por decisão unânime dos juízes;

Kevin Carrier derrotou Jose Antonio Perez por decisão unânime dos juízes;

Vovka Clay derrotou Frank Sforza por finalização com uma guilhotina a 1m:17s do segundo round;

Don Shainis derrotou Matt Denning por nocaute técnico (socos) aos 4m:50s do primeiro round;

Jordan Young derrotou Alec Hooben por finalização com um triângulo aos 2m:44s do primeiro round;

Costello Van Steenis derrotou Steve Skrzat por nocaute técnico (cotoveladas) aos 2m:52s do primeiro round;

Joaquin Buckley derrotou Vinicius de Jesus por decisão dividida dos juízes;

Pete Rogers Jr. derrotou Timothy Wheeler por finalização com uma guilhotina aos 0m:37s do primeiro round;

Dean Hancock derrotou John Beneduce por nocaute técnico (socos) aos 3m:38s do primeiro round.

 

Bellator, Bellator 185, Bellator 185 Results, MMA, MMA Internacional


Dario Ferrari

Editor-Chefe e repórter na TV Fight. CEO do MMAFighTube. Redator no Tudo Sobre MMA. Assessor de imprensa em diversos eventos do MMA Nacional e da Confederação Nacional de MMA. Torcedor do São Paulo FC, Patriots e Lakers.

Deixe uma resposta

As principais notícias do esporte que mais cresce no mundo, em um só lugar. 

Contate-nos:  

[email protected]

© Copyright 2015-2019 Tudo Sobre MMA| desenvolvido por: Vedrak Devs