Ronda Rousey descartou estar aposentada do MMA

Ronda Rousey descarta aposentadoria do MMA

Ronda Rousey, a mais nova contratada do WWE (World Wrestling Entertainment), voltou de vez aos holofotes das mídias mundiais. A loira que foi campeã dominante do peso galo feminino do UFC agora vive um novo momento em sua carreira. ‘Rowdy’ amargou dois revezes consecutivos no MMA, que a fizeram de afastar da maior organização de MMA do mundo.

Mas esse ainda pode não ser o fim da carreira de Ronda Rousey como lutador profissional de MMA. Pelo menos foi isso que ela deu a entender em entrevista para a ‘ESPN‘ da TV Americana ao falar sobre a sua carreira.

Leia mais:
– Ronda Rousey tem fotos intimas vazadas na web
– Dana White comenta provável aposentadoria de Ronda
– Casa de Ronda é invadida e assaltada

Em entrevista, Ronda Rousey contou que a luta contra Amanda Nunes pode não ter sido o seu fim pelo Ultimate. A loira fez uma comparação com o judô, esporte que a levou as olimpiedas, e que, segundo ela, não se aposentou.

  • É isso que aparentemente todos estão dizendo (que me aposentei). Mas assim, eu nunca me aposentei do judô. Se é isso que vocês querem pensar, tudo o que sei é que quero me dedicar 100% do meu tempo ao wrestling neste momento e o que quer que as pessoas quiserem dizer, elas podem dizer. Eu não duvidaria de mim fazendo qualquer coisa. – Disse a lutadora.

Ronda Rousey fez uma aparição surpresa na última edição do WWE, que aconteceu no último domingo (28), na Filadélfia. Esse foi o ato que oficializou de vez a contratação da loira pela organização de Wrestling.

O WWE (World Wrestling Entertainment) é uma organização de lutas pré definidas, ou seja, são combate coreografados. O evento atrai multidões, fatura milhões de dólares e coleciona estrelas em seu plantel de funcionários.

Carreira de Ronda Rousey no MMA

Ronda estreou no MMA profissionalmente no ano de 2011, com 23 anos de idade,voando baixo na divisão. A americana vinha varrendo sua categoria e chegou a marca de doze lutas, sem haver perdido nenhuma. Venceu a brasileira Bethe Correia em apenas 34 segundos, e essa foi a sua última vitória. Após isso, Ronda esbarrou em Holly Holm e cerca de um ano depois, teve um novo tropeço frente a Amanda Nunes.

Ronda Rousey perdeu o cinturão dos galos do UFC em 2015, ao ser brutalmente nocauteada por Holly Holm no UFC 193. Após o revés, a loira ficou mais um perído afastada, retornando em dezembro de 2016 no UFC 207 desafiando a campeã Amanda Nunes. Com menos de um minuto de luta, Rousey foi nocauteada e desde então o seu futuro é incerto no Ultimate.

mixed martial arts, MMA, Ronda Rousey, UFC, Ultimate, Ultimate Figther Championship, World Wrestling Entertainment, wrestling, WWE


Paulo Filho

Estudante de Direito. 20 anos. Mossoró-RN. Apaixonado pelo MMA e dedicado ao jornalismo esportivo desde 2012. "Um espírito nobre, engrandece o menor dos homens" (Jebediah Obadiah Springfield)

Deixe uma resposta

As principais notícias do esporte que mais cresce no mundo, em um só lugar. 

Contate-nos:  

[email protected]

© Copyright 2015-2018 Tudo Sobre MMA| desenvolvido por: Vedrak Devs