Autor: Dario Ferrari

Editor-Chefe e repórter na TV Fight. CEO do MMAFighTube. Redator no Tudo Sobre MMA. Assessor de imprensa em diversos eventos do MMA Nacional e da Confederação Nacional de MMA. Torcedor do São Paulo FC, Patriots e Lakers.

Na manhã deste domingo (27), já noite em Liverpool, Merseyside, na Inglaterra, foi realizado o UFC Fight Night 130, que teve como palco a Echo Arena, e em seu total, onze lutas para o público da cidade que muito provavelmente, deveria estar bem triste com o resultado da final da UEFA Champions League, onde o time de futebol local foi derrotado pelo poderoso clube espanhol Real Madrid.

Na luta principal, lutando em casa, o britânico Darren Till surpreendeu a todos. O ‘Gorila’, que é o oitavo do ranking da categoria dos meio-médios venceu o norte americano Stephen Thomspon, primeiro colocado, na decisão unânime dos árbitros laterais, após cinco rounds de luta e anotou seu décimo sétimo triunfo como profissional do esporte, enquanto o ‘Wonderboy’ amargou uma ‘indigesta’ derrota, já que muitos especialistas lhe deram a vitória.

No co-main event, Neil Magny venceu bem o estreante Craig White após conectar uma boa joelhada, finalizou o embate ainda no primeiro round com uma sequência de socos. Após sua vitória, ainda em cima do cage, o norte americano que havia prometido que doaria US$15 mil dólares a uma menina que sofre de uma grave doença, fez questão de lembrar a promessa e afirmou que irá cumpri-la, além de ter desafiado a pedreira nigeriana Kamaru Usman, que venceu o brasileiro Demian Maia há uma semana no UFC Chile.

Leia também no Tudo Sobre MMA:

Único brasileiro no card do UFC Fight Night 130, Claudio “Hannibal” retornou triunfalmente após quase quatro longos anos longe do octógono. O meio-médio encarou o canadense Nordine Taleb e deu um show, finalizando o combate ainda no primeiro round com um mata-leão, anotando sua décima segunda vitória na carreira e mantendo uma invencibilidade que já perdura por quase onze anos. Taleb, por sua vez, sofreu o quinto revés como profissional e teve uma sequência de dois triunfos interrompida.

Confira abaixo os resultados completos do UFC Fight Night 130: Thompson vs. Till:

Card Principal:

  • Darren Till derrotou Stephen Thompson por decisão unânime dos juízes (48-47, 49-46, 49-46);
  • Neil Magny derrotou Craig White por nocaute técnico (socos) aos 4m:32s do primeiro round;
  •  Arnold Allen derrotou Mads Burnell por finalização com um front choke aos 2m:41s do terceiro round;
  • Makwan Amirkhani derrotou Jason Knight por decisão dividida dos juízes (27-30, 29-28, 29-28);
  • Claudio Hannibal derrotou Nordine Taleb por finalização com um mata-leão aos 4m:31s do primeiro round.
  • Darren Stewart derrotou Eric Spicely por nocaute técnico (socos) a 1m:47s do segundo round.

Card Preliminar:

  • Tom Breese derrotou Daniel Kelly por nocaute técnico (socos) aos 3m:33s do primeiro round;
  • Lina Lansberg derrotou Gina Mazany por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28);
  • Carlo Pedersoli derrotou Brad Scott por decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28);
  • Gillian Robertson derrotou Molly McCann por finalização com um mata-leão aos 2m:05s do segundo round;
  • Elias Theodorou derrotou Trevor Smith por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28).

Parece que o ex-UFC Rony ‘Jason’ Mariano terá que esperar mais alguns dias para retornar a lutar em um evento do MMA Nacional. Primeiramente marcada para janeiro, a luta entre o cearense e o mineiro ‘Maurício Facção’ no Primeiro Round Combat 5 acabou sendo adiada para Maio, porém, terá de ser adiada mais uns dias, por motivo pessoal do CEO da organização Carlos Junior e tudo já esta de acordo e nos conformes, já, que, ambos os lutadores e seus treinadores já estão cientes dessa pequena mudança.

O embate, que será válido pelo cinturão interino da divisão peso-pena do Primeiro Round Combat, categoria que tem como campeão linear o ex-companheiro de treinos de Rony, Jonas Bilharinho, deverá acontecer na primeira semana do mês de Junho, mês este, que se iniciará em uma sexta-feira.

Leia também:

A notícia do adiamento do combate que ocorrerá no Primeiro Round Combat, foi dada exclusivamente na última quarta-feira (26) pelo website brasileiro TV Fight e foi confirmada com fontes próximas à organização e também pelo técnico de Maurício ‘Facção’, Wilson Peterson, CEO do BH Sparta e headcoach da Astra Fight Team de Belo Horizonte, capital mineira.

Outro super duelo já confirmado para esta edição, ficará por conta do ex-TUF Brasil Anistávio ‘Gasparzinho’, que irá bater de frente com o capixaba Paulo Machado ‘Zé Doido’, atleta com passagem pelo Shooto Brasil.

Sobre o Primeiro Round Combat:

Fundado em 2015, o Primeiro Round Combat é conhecido em território nacional pela grande valorização que dá aos atletas de MMA em todo território nacional.

Nomes como Ricardo Cachorrão, Kléber Orgulho, Jonas Bilharinho, Handesson Boy Doido, Edilberto Crocotá, Alan Gomes, Ismael Marmota, Juliana Velasquez, dentre outras estrelas do MMA Nacional e internacional, já subiram no cage redondo do Primeiro Round Combat, além do evento já ter sido realizado em dois Estados e quatro cidades diferentes.

Já neste sábado (24), o ginásio poliesportivo Duduzão situado nas dependências da FIB (Faculdades integradas de Bauru), irá ser o palco oficial de uma edição do maior evento de MMA do interior de São Paulo, o Demolidor Fight MMA, que chegará à sua 12a edição.

Serão quatro disputas de cinturões para a alegria do público que promete comparecer em peso para assistir na luta principal, um duelo entre campeões.

Atual campeão peso-galo linear, João ‘Samurai’ vai pra cima do detentor do cinturão interino da divisão Diego Silva, e quem vencer, unificará e se tornará o único e verdadeiro campeão até 61kg do DFMMA.

No co-main event, Anderson Berinja era o campeão, mas o lutador abdicou do título, deixando-o vago, com isso, o presidente e matchmaker da organização Jeferson Pavanelo escalou o ex-campeão peso-pena João Oliveira que irá em busca do título mais uma vez, enfrentando John David.

Na categoria dos pesos meio-médios, o cinturão será colocado em jogo pela primeira vez na história do evento e atleta com passagens pelo evento russo ACB, André ‘Dedé’, irá encarar Reginaldo ‘Corvão’ para definir quem fará história na franquia.

Além de ‘Berinja’, outro campeão acabou deixando o cinturão vago. Alex ‘Kamikaze’ que era o detentor do título da categoria até 57kg, subiu de divisão, abdicando do título, e com isso, Bruno ‘Gafanhoto’ duelará com Rafael Costa para decidir quem será o novo campeão peso-mosca.

Confira abaixo o card completo (sujeito a alterações) do Demolidor Fight MMA 12: Samurai vs. Silva:

Card Principal:

João Samurai vs. Diego Silva – Pela unificação dos cinturões da categoria peso-galo;
João Oliveira vs Jonh David – Pelo cinturão vago da categoria peso-pena;
André ‘Dedé’ vs. Reginaldo ‘Corvão’ – Pelo cinturão inaugural da categoria peso meio-médio;
Bruno ‘Gafanhoto’ vs. Rafael Costa – Pelo cinturão inaugural da categoria peso-mosca;
Luan Gabani vs. Leonardo Silva.

Card Preliminar:

Eduardo ‘Dudão’ Mayer vs Júlio Campos;
Victor Figueiredo vs. Devani ‘Iceberg”;
Luiz ‘Paquitão’ vs Marcus ‘Jon Jones’;
Caio ‘Moicano’ vs. Arthur Carvalho;
Matheus ‘Calabresa’ vs. Daniel ‘Miojo’;
Kaio ‘Cabeça’ vs. Paulo Ricardo.

K-1:

Felipe ‘Felipão’ vs. Lucas Cisco;
Matheus Beni vs. Felipe Benicá;
Ronaldo Santana vs. Ahlan Yoschida.

Foi realizado neste sábado (24), no Amway Center, em Orlando, Flórida, nos Estados Unidos, o UFC On FOX 28.

Na luta principal, ‘de virada’, Jeremy Stephens nocauteou Josh Emmett no segundo assalto do combate e garantiu sua terceira vitória consecutiva na divisão peso-pena, e o inevitável aconteceu, já que ainda em cima do octógono, o veterano norte americano pediu para disputar o título da categoria até 66kg do Ultimate.

No co-main event, a brasileira Jessica ‘Bate Estaca’ Andrade venceu a norte americana Tecia Torres na decisão unânime dos árbitros laterais e deverá encarar a vencedora da revanche entre a campeã peso-palha Rose Namajunas e Joanna Jedrzejczyk.

Confira abaixo os resultados completos do UFC On FOX 28: Emmett vs. Stephens:

Card Principal:

Jeremy Stephens derrotou Josh Emmett por nocaute (cotoveladas) a 1m:35s do segundo round;
Jéssica Andrade derrotou Tecia Torres por decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-27);
Ilir Latifi derrotou Ovince St-Preux por finalização com uma guilhotina aos 3m:48s do primeiro round;
Max Griffin derrotou Mike Perry por decisão unânime dos juízes (29-27, 29-27, 30-27).

Card Preliminar:

Brian Kelleher derrotou Renan Barão por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28);
Marion Reneau derrotou Sara McMann por finalização com um triângulo aos 3m:40s do segundo round;
Angela Hill derrotou Maryna Moroz por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27);
Alan Jouban derrotou Ben Saunders por nocaute (socos) aos 2m:38s do segundo round;
Sam Alvey derrotou Marcin Prachnio por nocaute técnico (socos) aos 4m:23s do primeiro round;
Rani Yahya derrotou Russell Doane por finalização com um triângulo de mão aos 2m:32s do terceiro round;
Alex Perez derrotou Eric Shelton por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27);
Manny Bermudez derrotou Albert Morales por finalização com uma guilhotina aos 2m:33s do segundo round.

De acordo com notícia dada nesta sexta-feira (26) durante a pesagem cerimonial do UFC On FOX 27 em Charlotte, Carolina do Norte, nos Estados Unidos, dois campeões serão os treinadores do The Ultimate Fighter 27.

O campeão dos pesos pesados Stipe Miocic e o campeão dos pesos meio-pesados Daniel Cormier, serão os treinadores da 27º temporada do reality show The Ultimate Fighter

A super luta entre os dois, que primeiramente havia sido negada por Cormier, deverá acontecer no dia 07 de Julho na T-Mobile Arena em Las Vegas, Nevada, nos Estados Unidos. Por sua vez, o TUF 27 Finale será realizado no dia 06 de Julho também em Las Vegas.

Leia também: Demetrious Johnson aceita combate contra TJ Dillashaw, mas faz exigências: “Uma edição campeão contra campeão”

Campeã peso-pena feminino, a curitibana Cris Cyborg e a baiana campeã peso-galo feminino Amanda Nunes, também poderão se enfrentar no mesmo card do UFC 226.

As palavras de que essa super luta feminina entre as brasileiras pudesse ser realizada no UFC 226, foram ditas pela própria lutadora da Chute Boxe/PR, mas vale lembrar que primeiramente, o duelo estava cotado para ser a luta principal do UFC 224 no Rio de Janeiro, no dia 26 de maio.

Inicialmente, a luta principal do UFC On Fox 28 que será realizado no dia 24 de fevereiro no Amway Center em Orlando, Flórida, nos Estados Unidos, seria entre o cubano ex-desafiante ao cinturão interino dos médios Yoel Romero e o norte americano ex-campeão em duas divisões diferentes do extinto WSOF David Branch, até, que, uma lesão do australiano Robert Whittaker, que defenderia o cinturão linear da categoria até 84kg na luta principal do UFC 221 diante do norte americano Luke Rockhold, fez com que muita coisa mudasse.

Yoel Romero recebeu um convite para substituir Whittaker e disputar novamente o título interino, encarando Rockhold, o que foi prontamente aceito pelo cubano da American Top Team, deixando assim, David Branch sem adversário para o main event em Orlando, mas, por aí, mais mudanças aconteceram.

De acordo com o jornal “The Orlando Sentinel”, Branch, que ainda aguarda por outro oponente, foi tirado da luta principal, e o duelo já confirmado para encabeçar o card já está definido, e será na categoria peso-pena da franquia entre Jeremy Stephens e Josh Emmett.

Leia também: Thiago Pitbull encara Curtis Millender no UFC Texas

Stephens vem de duas vitórias consecutivas e em sua última aparição, atropelou o sul coreano Doo Hoo Choi na luta principal do UFC Fight Night 124 realizado no último domingo (14) no Scottrade Center em St-Louis, Missouri, nos Estados Unidos.

Emmett também vem de triunfo. O peso-pena nocauteou o duríssimo Ricardo Lamas brutalmente no UFC On FOX 26 realizado em dezembro do ano passado.

Confira abaixo o card (até o momento – sujeito a alterações) do UFC On FOX 28: Stephens vs. Emmett:

Peso pena: Jeremy Stephens vs. Josh Emmett;
Peso palha: Jéssica Andrade vs. Tecia Torres;
Peso meio-pesado: Ovince St-Preux vs. Ilir Latifi;
Peso galo: Renan Barão vs. Brian Kelleher;
Peso meio-médio: Mike Perry vs. Max Griffin;
Peso galo: Sara McMann vs. Marion Reneau;
Peso meio-pesado: Marcin Prachnio vs. Sam Alvey;
Peso leve: Gilbert Durinho vs. Olivier Aubin-Mercier;
Peso meio-médio: Alan Jouban vs. Ben Saunders;
Peso meio-pesado: Gadzhimurad Antigulov vs. Aleksandar Rakić;
Peso galo: Rani Yahya vs. Russell Doane

Na tarde desta sexta-feira, foi realizada a pesagem oficial do Bellator 192, que acontecerá neste sábado, no The Forum, em Inglewood, Califórnia, nos Estados Unidos.

O ex-campeão peso meio-pesado do UFC Quinton ‘Rampage’ Jackson e seu adversário Chael Sonnen, bateram o peso e a quarta de final do Grand Prix dos pesos pesados foi confirmada. De acordo com o resultado da pesagem, Rampage ficou cerca de 13 kg mais pesado que Sonnen.

O co-main event também foi confirmado. o brasileiro campeão peso meio-médio Douglas Lima e Rory MacDonald bateram o peso e firmaram o duelo válido pelo título da divisão até 77 kg.

Em duelo já confirmado como title eliminator na categoria dos leves, Goiti Yamauchi e Michael Chandler também passaram pela balança.

Assista a pesagem oficial do Bellator 192:

Confira abaixo o card (sujeito a alterações) do Bellator 192: Rampage vs. Sonnen

Card Principal:

  • Quinton Jackson (253) vs. Chael Sonnen (222) – Quartas de final do GP dos pesos pesados;
  • Douglas Lima (169) vs. Rory MacDonald (169.3) – Pelo cinturão dos meio-médios;
  • Michael Chandler (156) vs. Goiti Yamauchi (155.9);
  • Shane Kruchten (146) vs. Aaron Pico (145.2);
  • Henry Corrales (145.8) vs. Georgi Karakhanyan (145).

Card Preliminar:

  • Khonry Gracie (169) vs. Devon Brock (166);
  • Ian Butler (168.4) vs. Joey Davis (170.5);
  • Bomba Vasconcelos (168.5) vs. Ivan Castillo (169.8);
  • Jose Campos (168.8) vs. Haim Gozali (168.5);
  • Tommy Aaron (153.1) vs. Roosevelt Roberts (155.8);
  • David Duran (127.7) vs. Kyle Estrada (127.6);
  • Johnny Cisneros (170.4) vs. Marlen Magee (167.9);
  • Arthur Estrazulas (156) vs. Mike Segura (155.6);
  • Noah Tillis (155.3) vs. Jalin Turner (155.1);
  • Gabriel Green (155.3) vs. Chris Padilla (156);
  • James Barnes (135.2) vs. Chad George (135.6);
  • Cooper Gibson (145.5) vs. Andrew Lazo (146).
Foto: Reprodução | Youtube | Locutor Everaldo Santos.

O Acará Fight Combat entrou para a história do MMA Nacional, já que realizou sua primeira edição neste sábado (06) na Sede do Eugênio, na Vila do Garumã, na cidade de Acará, interior do Estado do Pará e para a alegria do povo, os fãs do esporte que mais cresce no mundo, todos os embates profissionais foram sensacionais.

No combate principal da noite, Nelson ‘Cowboy’, logo no início do embate, conectou um bom direto na ponta do queixo de Keyto ‘Ferragem’, que caiu em knockdown e aí, foi só trabalhar o ground and pound para sair pro abraço e garantir a vitória por nocaute técnico.

Assista a luta entre Nelson ‘Cowboy’ e Keyto ‘Ferragem’:

No co-main event, Nadilson ‘Caveira’ não tomou conhecimento de seu adversário Sandro ‘Sandrinho Kanibal’ e encaixou um lindo armlock para garantir o primeiro triunfo de 2018 em seu cartel profissional e que, você leitos da TV Fight, também pode assistir na íntegra.

Assista ao combate entre Sandro ‘Kanibal’ e Nadilson ‘Caveira’:

Confira abaixo os resultados completo do Acará Fight Combat 1: Ferragem vs. Cowboy:

  • Nelson ‘Cowboy’ derrotou Keyto ‘Ferragem’ por nocaute técnico (socos) aos 0m:48s do primeiro round;
  • Nadilson ‘Caveira’ derrotou Sandro ‘Sandrinho Kanibal’ por finalização com um armlock aos 2m:54s do primeiro round;
  • Denilson Souza derrotou Mizael Maia por finalização com um mata-leão a 1m:41s do primeiro round;
  • Dony ‘Justiceiro’ derrotou Diego ‘Patolino’ por decisão dividida dos juízes;
  • Thiago ‘Thai’ derrotou Paulo Silva por nocaute técnico (socos) aos 0m:30s do terceiro round.

O Acará Fight Combat entrará para a história do MMA Nacional, já que realizará sua primeira edição no dia 06 de janeiro, na Sede do Eugênio, na Vila do Garumã, interior do Estado do Pará e para a alegria do povo, os fãs do esporte que mais cresce no mundo, poderão acompanhar diversas lutas profissionais.

No combate principal da noite, Keyto ‘Ferragem’ irá encarar Nelson ‘Cowboy’, enquanto no co-main event, Priscila Silva irá bater de frente com Lorena Santos.

Outros confrontos que serão destaque na noite em Acará, serão os duelos entre Nadilson Santos, o ‘Caveira’, que estará enfrentando Sandrinho ‘Kanibal’ e Denilson Souza que estará enfrentando Mizael Maia.

Confira abaixo o card completo do Acará Fight Combat 1: Ferragem vs. Cowboy:

  • Keyto ‘Ferragem’ vs. Nelson ‘Cowboy’;
  • Lorena Santos vs. Priscila Silva;
  • Nadilson ‘Caveira’ vs. Sandro ‘Sandrinho Kanibal’;
  • Denilson Souza vs. Mizael Maia;
  • Dony ‘Justiceiro’ vs. Diego ‘Patolino’;
  • Paulo Silva vs. Thiago ‘Thai’.

Foi realizada nesta sexta-feira (05) na cidade de Acará, no interior do Estado do Pará, a pesagem oficial do Acará Fight Combat 2, que será realizado neste sábado (06),  na Sede do Eugênio, na Vila do Garumã, interior do Estado do Pará e para a alegria do povo, os fãs do esporte que mais cresce no mundo, poderão acompanhar cinco lutas profissionais de MMA.

Keyto ‘Ferragem’ e Nelson ‘Cowboy’, que vão se enfrentar na luta principal, bateram o peso e confirmaram o embate, enquanto o tal aguardado confronto feminino entre Priscila Silva e Lorena Santos, acabou sendo cancelado pela franquia.

Outros confrontos que serão destaque na noite em Acará, serão os duelos entre Nadilson Santos, o ‘Caveira’, que estará enfrentando Sandrinho ‘Kanibal’ e Denilson Souza que estará enfrentando Mizael Maia.

Confira abaixo o card completo do Acará Fight Combat 1: Ferragem vs. Cowboy:

  • Keyto ‘Ferragem’ vs. Nelson ‘Cowboy’;
  • Lorena Santos vs. Priscila Silva*;
  • Nadilson ‘Caveira’ vs. Sandro ‘Sandrinho ‘Kanibal’;
  • Denilson Souza vs. Mizael Maia;
  • Dony ‘Justiceiro’ vs. Diego ‘Patolino’;
  • Paulo Silva vs. Thiago ‘Thai’.

*Embate cancelado.

Develope By Vedrak Devs