Após ter promovido mais de 50 edições aqui no Brasil ( 59 eventos segundo os conceituados sites Sherdog e  Tapology ) o Aspera FC deverá retomar a promoção de shows no mercado nacional de MMA muito em breve.

Outra novidade é que, depois de meses de negociação, Marcelo Brigadeiro, Presidente e CEO do Aspera FC, vendeu uma participação da organização para um forte grupo de investidores asiáticos e com o novo aporte financeiro que recebeu acaba de lançar o Aspera Fighting Championship Asia. Agora o evento contará com a realização shows mensais por todo o continente asiático.

Essa nova empreitada se dará em conjunto por Marcelo Brigadeiro, Ferdie Munsayac, Rizvan Ali e equipe na Ásia.

Leia também
Johny Hendricks anuncia aposentadoria do MMA
Aos 30 anos, Felipe Sertanejo anuncia aposentadoria do MMA
Rashad Evans anuncia aposentadoria do MMA

Marcelo Brigadeiro também foi contratado pela MTK Global, uma das maiores agências esportivas do mundo. Além disso está à frente do departamento de MMA da mesma, denominado MTK Global MMA.

Assim sendo, ele teve que organizar toda a operação da empresa, uma vez que esta conta com 8 escritórios espalhados por todo o mundo e mais de 200 atletas. Lutadores dos mais variados países para serem gerenciados, o que gerou uma enorme demanda de atividades. Além de orientar os treinos dos seus atletas na Astra Fight Team e acompanhar lutadores em shows do porte do UFC e Pancrase MMA.

Reorganizar todas as suas funções não foi fácil, mas as agora o polêmico cartola está de volta ao segmento de promoção de eventos de MMA e fazendo uso da linguagem que lhe granjeou um número enorme de seguidores em suas redes sociais (além do seu canal no youtube, onde expõe sua opinião sobre os mais variados temas), já dispara a sua artilharia contra os seus adversários, bem ao seu estilo:

— Nós vamos botar para ‘foder’ no mercado nacional muito em breve. Quando eu estou quieto, estou preparando o esporro !!!
Não aprenderam ainda, caralho ???
Alguns idiotas ainda especularam sobre o fim da organização, mas agora estamos de volta ao Brasil e também iniciaremos a promoção do Aspera FC por todo o continente asiático. – Esbravejou o dirigente, em sua conta pessoal no Facebook.

A estréia do Aspera Fighting Championship Asia será no dia 26 de Agosto.  Terá como palco Mega Dance Center, em Angeles City, Pampanga, nas Filipinas.
Esse show inaugural deverá contar com estrelas locais do Pinoy MMA enfrentando lutadores estrangeiros.

Quanto à data da volta da franquia para o Brasil, ainda não foi anunciada. Porém a próxima edição nacional também deverá acontecer muito em breve.

 

Foto:  Divulgação/ Aspera FC

 

Foto: Arquivo Pessoal.

No último sábado (8), o Áspera FC desembarcou pela primeira vez em solo goiano e não decepcionou. Mesmo sem cinturões em jogo, o evento foi um verdadeiro show de MMA, tendo como sede, o Ginásio de Campinas, em Goiânia, capital do Estado de Goiás.

Na luta principal, Victor ‘Striker’ acabou vencendo Naldo Guerra por interrupção médica. Uma fratura em um dedo da mão de Naldo, impossibilitou que o combate continuasse e com isso, Victor Hugo venceu por nocaute técnico no intervalo do segundo para o terceiro assalto.

No co-main event, uma das melhores lutas do ano, entre a goiana Sarah ‘A Treta’ Frota e a baiana Layze Cerqueira, que travaram uma guerra durante os três round do combate e ao final, por decisão unânime dos juízes laterais, vitória de Sarah, por unanimidade, mantendo seu cartel invicto com cinco vitórias.

Foto: Lucy Medeiros | Conexão Combate.

Confira abaixo os resultados completos do Aspera FC 54: Striker vs. Guerra:

  • Victor ‘Striker’ derrotou Naldo Guerra por nocaute técnico (interrupção médica) no intervalo do segundo para o terceiro round;
  • Sarah ‘A Treta’ Frota derrotou Layze Cerqueira por decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 30-27);
  • Erivan ‘Negão’ derrotou Rafael ‘Koncreto’ por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27);
  • Ranieri Siva derrotou Francisco Robson por decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28);
  • Edson Pânico derrotou Luiz ‘Pedra’ por nocaute técnico (socos) aos 3m:39s do primeiro round;
  • Wesley Maia derrotou Leonardo Ivo por nocaute (socos) a 1m:38s do primeiro round;
  • Carlos ‘Crocodilo’ derrotou Jaime Cardoso por finalização com uma guilhotina aos 0m:47s do segundo round;
  • Eder Baiano derrotou Jeff Santos por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27);
  • Wellinton ‘Toin’ derrotou Romulo Fênix por decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28);
  • Andreia Serafim derrotou Marcela Giantomassi por nocaute técnico (socos) aos 4m:24s do terceiro round;
  • Iago ‘Jacaré derrotou Alex ‘Demolidor’ por nocaute técnico (socos) aos 4m:36s do primeiro round;
  • João Camilo derrotou João Victor por nocaute técnico (socos) a 1m:22s do terceiro round;
  • Hélio ‘Pezinho’ derrotou Diego Lima por nocaute técnico (socos) aos 3m:58s do segundo round.
Foto: Reprodução/Facebook/Câmara dos Deputados

Um PL – Projeto de Lei – que estava adormecido na Câmara dos Deputados desde 2009, voltou a assombrar os fãs de um dos esportes que mais cresce no mundo esta semana. O Deputado José Mentor (PT-SP) tenta aprovar lei que visa proibir a transmissão de eventos de MMA em todo território nacional.

– As artes marciais têm filosofia, que é exatamente o oposto da Mixed Martial Arts… Quanto mais agressivo, quanto mais você ferir o outro, mais rápido se ganha a luta. Aqui (no MMA) é uma luta violentíssima aqui não é esporte e nem arte marcial – disparou José Mentor (PT-SP), em entrevista ao programa “Palavra Aberta” da TV e Rádio da Câmara dos Deputados. (entrevista pode ser acessada clicando AQUI)

Vale ressaltar que até mesmo em canais de televisão fechada, como o Canal Combate, que é a emissora oficial do UFC no Brasil e a Fox Sports que transmitem o Bellator, One FC e muitos outros eventos internacionais, bem como o canal Esporte Interativo que transmite a maioria dos eventos de cunho nacional entre outros.

Temendo aprovação do citado projeto, o Exmo Sr Deputado Federal Ronaldo Martins (PRB-CE) procurou a redação da Tudo Sobre MMA e da TV Fight em busca de apoio da mídia independente e consequentemente o envolvimento dos fãs desse esporte (que são milhões) para barrar a entrada em vigência dessa lei que discrimina o MMA, como citou o Deputado.

– Em princípio, o cerceamento de transmissão de competições de um esporte que hoje já está massificado no Brasil. Depois, que há uma clara discriminação conta o MMA, já que libera a transmissão de competições de judô, karatê, jiu-jítsu. E por aí vai… – Indagou o parlamentar.

Segundo a informação de Ronaldo Martins, a votação deve ocorrer amanhã as 10 horas. A matéria sera apreciada pela Comissão de Ciência e Tecnologia e é de cunho terminativo, ou seja, não requer votação em Plenário, se o parecer da Comissão foi favorável, o projeto começa a ter força de lei. O deputado ainda aponta o Partido dos Trabalhadores e outros Partidos de esquerda.

– Há uma movimentação principalmente do PT (Partido dos Trabalhadores) e dos outros partidos de esquerda (aliados). Saberemos amanhã (os nomes dos deputados que votarão a favor). – Disse o Deputado.

O Deputado Ronaldo Martins é voz ativa no que diz respeito as Artes Marciais, tanto na vida parlamentar como na vida pessoal. Prova disso é que no UFC Fortaleza, foi corner do lutador cearense Rony Jason.

A transmissão da votação não será televisionada, mas o interessado em saber da votação poderá assistir pela internet. O link que é disponibilizado para os internautas é divulgado momentos antes da Comissão dar início a votação. Para isso, deve-se acessar o site da Câmara, após isso click no item “atividades legislativas” no menu do site e selecione a opção ”Comissões”, chegando aqui, deve ir para a Comissão de Ciência e Tecnologia.

Foto: Matheus Medeiros| Conexão Combate .

Maior sensação entre os amantes do MMA Brasileiro, o Áspera Fighting Championship, irá desembarcar pela primeira vez em Goiás, mais precisamente no Ginásio de Campinas, na capital, Goiânia.

Presidido por Marcelo Brigadeiro, o evento já rodou em diversos Estados do país e até fora do Brasil e dessa vez, mesmo sem disputas de cinturões, a edição virá com um card excepcional e com transmissão ao vivo do Esporte Interativo e cobertura in loco da TV Fight e Tudo Sobre MMA.

Na luta principal da noite, Victor ‘Striker’ vai encarar Naldo Guerra, em combate válido pela categoria peso-galo. Victor irá em busca de sua décima oitava vitória na carreira e se vencer Naldo, conquistará seu sétimo triunfo consecutivo.

No co-main event, Sarah ‘A Treta’ Frota enfrentará Layze Cerqueira na divisão peso-galo feminino em busca de manter-se invicta e outro combate destaque desse card, será Rafael ‘Konkreto’ batendo de frente com Erivan ‘Negão’ Pereira, em luta válida pela categoria dos pesos meio-médios.

Foto: Matheus Medeiros | Conexão Combate.

A Confederação Nacional de MMA estará responsável por toda fiscalização e está muito bem representada com a presença do presidente Marcelo ‘Drago’ Lisboa.

Confira abaixo o card completo do Aspera FC 54: Striker vs. Guerra:

  • Victor ‘Striker’ vs. Nado Guerra;
  • Sarah ‘A Treta’ Frota vs. Layze Cerqueira;
  • Rafael ‘Konkreto’ vs. Erivan ‘Negão’ Pereira;
  • Leonardo Ivo vs. Wesley ‘Piá’;
  • Edson ‘Pânico’ vs. Eder ‘Bahiano’;
  • Hélio ‘Pezim’ vs. Diego Lima;
  • Raniere Silva vs. Francisco Robson;
  • Wellinton ‘Toin’ vs. Rômulo ‘Fênix’;
  • Marcela Giantomassi vs. Andréia Serafim;
  • Marcos Conrado vs. Normando Cabral;
  • Jean ‘Marinheiro’ vs. TBA;
  • João Camilo vs. João Vitor.
Foto: Alexandre Loureiro

Um dos eventos de maior prestígio no Brasil, o Aspera FC desembarcou neste sábado em Balneário Camboriú, Santa Catarina. O evento trouxe na luta principal, o duelo entre o ex-ufc Glaico França e Júlio Cesar Bilik.

A luta principal já começou com Glaico França levando o combate para o chão. Bilik bem que tentou encaixar uma guilhotina, porém, sem sucesso. Ainda no chão, Glaico França pegou as costas e finalizou no mata leão no primeiro round.

Depois de duas derrotas consecutivas no UFC, Glaico França retoma o caminho das vitórias. O campeão do TUF Brasil 4 possui 14 vitórias e 5 derrotas em sua carreira.

Na luta co-principal, o experiente Thiago Tavares não tomou conhecimento, e nocauteio Maurício Bad Boy em menos de um minuto do primeiro round. Agora, Thiago soma 21 vitórias e 7 derrotas em sua carreira.

Confira os resultados: 

-Glaico Nego venceu Júlio Cesar Bilik por finalização no primeiro round.
-Thiago Tavares venceu Maurício Bad Boy por nocaute técnico aos 49s do primeiro round -Gustavo Efron venceu Diogenes Overeem na decisão dividida.
-Leonardo Cabeção venceu Alan Bispo na decisão unânime (triplo 30-26) e conquistou o cinturão inaugural da categoria meio pesado.
-Alberto Uda venceu Huinderton Barbosa na decisão unânime (triplo 30-27)
-Cleiton Foguete venceu Rani Rex por finalização aos 4m:15s do primeiro round
-Pedro Junior venceu Olaécio Maia por nocaute técnico aos 2m:54s do primeiro round

As principais notícias do esporte que mais cresce no mundo, em um só lugar. 

Contate-nos:  

[email protected]

© Copyright 2015-2018 Tudo Sobre MMA| desenvolvido por: Vedrak Devs