Quatro motivos para não perder o UFC Brasília

0

Assim como o Ultimate, fizemos uma lista do que faz o UFC Brasilia imperdível


Desde que foi anunciado que o maior evento de MMA do mundo estaria em solo nacional e, mais uma vez na capital do nosso pais, logo começou a movimentação para estar presente na noite do evento ou garantir que a TV por assinatura transmita todos os acontecimentos.
Com o card recheado de feras e ídolos brasileiros, todos os amantes das lutas focaram seus olhares para a edição. Com isso, elencamos alguns motivos que te farão ficar ansioso por essa edição, se é que você já não está.
1º Cris Cyborg lutando no Brasil:

Foto: Buda Mendes/ Zuffa LLC
Há 11 anos sem perder, Cris Cyborg caiu nas graças dos fãs brasileiros antes mesmo de chegar no UFC. Ex-campeã do extinto Stikeforce e atual campeão de Invicta FC, Cris Cyborg Justino também quer entrar para a história do Ultimate.
Aos 31 anos de idade, essa será a sua segunda luta na organização. A atleta brasileira entra no octógono para enfrentar Lina Lansberg, que promete não dar vida fácil para a lutadora da casa.

2º Renan Barão tentando se impor no Ultimate:
Foto: Brandon Magnus/ Zuffa LLC
Também aos 31 anos de idade, o potiguar do Bairros Das Quintas em Natal, entra no octógono no UFC Brasília para tentar reencontrar os caminhos das das vitórias e, impor o seu nome novamente dentro da organização da forma que era há dois anos atrás.
Desde que perdeu para TJ Dillashaw em 2014, Barão não encaixou mais o seu jogo. Vindo de duas derrotas consecutiva, o atleta da Nova União pretende botar um ponto final na “zika” contra Phillipe Nover.

3º Roy Nelson lutando no Brasil pela primeira vez:
Foto: Josh Hedges/ Zuffa LLC
O gordinho mais querido do UFC vem a terra brasileira para enfrentar o atleta da casa Antônio ”Big Foot” Silva. Mas isso não significa que Roy Nelson não terá torcida.
Roy Nelson, assim como Big Foot, tem uma legião de fãs e, por esse motivo, as arquibancadas do Ginásio Nilson Nelson estarão divididas entre a torcida do brasileiro e a torcida do americano.
Tamanho carinho da torcida por Roy Nelson, não espantará se for mais calorosa que a torcida pelo brasileiro.
4º Ver o ”Massaramito” lutando:
Foto: Buda Mendes/ Zuffa LLC
O ex-TUF Brasil Trinaldo Massaranduba,  o homem do ”massaratame”, virou ídolo dos amantes do MMA por sua história de vida e por suas grandes atuações dentro do Ultimate.
O peso leve está vindo de seis vitórias consecutivas. Veterano de 38 anos de idade, entra no octogono para enfrentar Paul Felder para tentar emplacarr a sétima vitória e subir mais ainda do ranking da organização.
Se vencer, provavelmente, Massaranduba entrará no ranking do top 15 do Ultimate, assim, poderá fazer combates com lutadores com nome de peso.
CONFIRA O CARD COMPLETO:

UFC Brasília 24 de setembro, em Brasília (DF) 

CARD PRINCIPAL: 
Peso-casado (até 63,5kg): Cris Cyborg x Lina Lansberg
Peso-pena: Renan Barão x Phillipe Nover
Peso-pesado: Antônio Pezão x Roy Nelson
Peso-leve: Francisco Massaranduba x Paul Felder
Peso-leve: Michel Trator x Gilbert Durinho
Peso-pena: Godofredo Pepey x Mike de La Torre
Peso-médio: Thiago Marreta x Eric Spicely

CARD PRELIMINAR: 
Peso-galo: Rani Yahya x Michinori Tanaka
Peso-galo: Jussier Formiga x Dustin Ortiz
Peso-meio-médio: Vicente Luque x Hector Urbina
Peso-leve: Glaico França x Gregor Gillespie
Peso-meio-médio: Erick Silva x Luan Chagas
Peso-leve: Alan Nuguette x Steven Ray

Deixe uma resposta