Categoria: Peso-pesado

Fabrício Werdum é flagrado no exame antidoping da USADA

O brasileiro Fabrício Werdum foi é o mais novo reprovado dos rigorosos exames da USADA (Agência Antidoping dos Estados Unidos). ‘Vai Cavalo’ foi anunciado como adversário de Alexey Oleynik para a luta principal do UFC Russia pelo portal ‘MMA Figthing‘ ontem (21).

A maior organização de MMA do mundo, o UFC, anunciou que Fabrício Wedum falhou no teste de drogas da USADA hoje (22). Em contrapartida, o Ultimate e nem a USADA, como de costume, não divulgaram a substância usada pelo lutador.

Em relação ao causador da reprovação de Werdum no teste, deve ser anunciado nos próximos dias. Até agora, o que se sabe, é que o teste foi feito fora do período de luta, no dia 25 (vinte e cinco) de abril.

Leia mais:
Colby Covington promete colocar Fabrício Werdum na cadeia
Vídeo: Fabrício Werdum é multado por confusão com Covington
Fabrício Werdum prestará serviço a comunidade LGBT após ofensa sexista

O empresário de Fabrício Werdum, em conversa com o portal especializado em MMA já citado anteriormente, falou sobre o caso. Abdel-Aziz revelou estar em contato com o UFC para solucionar o problema. Além disso, o empresário declarou estar confiante na inocência do seu atleta.

— Toda a equipe do UFC e eu estamos todos trabalhando juntos para resolver esse problema. Estou muito confiante de que tudo ficará bem… é um mal entendido. Alguma coisa está errada. Fabrício não levou nada de ilegal. – Disse o empresário.

  • Receba notícias do MMA no seu celular baixando o ‘306 MMA’ no Android ou no IOS.

Vale dizer que nada está confirmado contra Werdum. O gaúcho tem direito a fazer a contraprova para atestar a sua inocência caso queira.

Em caso anterior, a brasileira campeã dos leves Cris Cyborg foi notificada inicialmente e, após a contraprova, foi inocentada. Já o potiguar Gleison Tibau, optou por nem fazer a contraprova em sua defesa.

Carreira de Fabrício Werdum

O peso pesado natural de Porto Alegre, atualmente está com 40 anos de idade. ‘Vai Cavalo’ vem de derrota para Alexander Volkov, em sua última luta. Como lutador profissional de MMA, Werdum fez 32 combates, vencendo 23 vezes, perdendo outras 8 e empatando 1.

Conforme noticiou a ESPN nesta segunda-feira (30), o brasileiro Junior Cigano já tem adversário definido para seu retorno ao octógono. Será o búlgaro Blagoi Ivanov no UFC Fight Night 133, pela divisão dos pesados.

Junior Cigano não luta desde maio de 2017, quando foi derrotado pelo campeão Stipe Miocic no UFC 211. Na ocasião, o brasileiro foi nocauteado no primeiro round. Em seguida, o veterano de 34 anos foi notificado pela USADA (Agência Antidoping dos Estados Unidos) por uma possível violação em exame antidoping. Há uma semana atrás, a Agência divulgou um comunicado inocentando o peso-pesado após a comprovação de contaminação em suplementos.

O duelo marcará a estreia de Blagoi Ivanov. O búlgaro de 31 anos detém um cartel com 16 vitórias, uma luta sem resultado e apenas uma derrota. O peso-pesado acumula em sua jornada o cinturão do extinto WSOF, além de ter disputado o cinturão do Bellator em maio de 2014, quando foi derrotado por Alexander Volkov em seu único revés na carreira.

O UFC Fight Night 133 será realizado na Century Link Arena em Boise, Idaho nos Estados Unidos no dia 14 de julho.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO:

Peso pesado: Junior Cigano x Blagoi Ivanov
Peso galo: Cat Zingano x Marion Reneau
Peso meio-médio: Sage Northcutt x Zak Ottow
Peso mosca: Jennifer Maia x Liz Carmouche
Peso mosca: Justin Scoggins x Said Nurmagomedov

Realizado em Rosemont, Ilinois na Allstate Arena nos Estados Unidos, o Bellator trouxe na luta principal da edição de número 198 neste sábado (28) o combate entre Fedor Emelianenko e Frank Mir pelas quarta de final do GP peso-pesado.

A luta: O duelo começou com Frank Mir buscando o ataque. Em rápida resposta, Fedor derrubou o americano. O combate voltou a ficar em pé com ambos trocando golpes, até que Fedor Emelianenko engatou um forte soco de esquerda levando o fim do combate.

Final de luta, Fedor é declarado vencedor por nocaute técnico, e avança para as semi-finais do GP peso-pesado e duela contra Chael Sonnen. Já Frank Mir é eliminado em sua estreia no Bellator.

CONFIRA TODOS OS RESULTADOS DO BELLATOR 198 

Neste sábado (28) será realizado o Bellator 198, em Rosemont, Ilinois na Allstate Arena nos Estados Unidos.

Com um card histórico, na luta principal a lenda russa Fedor Emelianenko enfrenta o ex-campeão dos pesados do UFC Frank Mir, pelas quartas de final do GP peso-pesado. Na luta co-principal um interessante duelo entre os peso-penas Emmanuel Sanchez contra Sam Sicillia.

RESULTADOS EM TEMPO REAL: 

Card Principal

GP; Peso pesado: Fedor Emelianenko venceu Frank Mir por nocaute técnico aos 48 segundos do primeiro round
Peso pena: Emmanuel Sanchez venceu Sam Sicilia por finalização aos 3m52s do primeiro round
Peso casado: Rafael Lovato Jr. venceu Gerald Harris por finalização aos 1m11s do primeiro round
Peso meio-médio: Neiman Gracie venceu Javier Torres por finalização por finalização aos 3m18s do segundo round.
Peso casado: Dillon Danis venceu Kyle Walker por finalização aos 1m38s do primeiro round
Card Preliminar
Peso meio-médio: Sultan Umar venceu Tom Angeloff por decisão unânime (30-26, 30-27, 30-27)
Peso pesado: Robert Morrow venceu Adam Maciejewski por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Peso pena: Adil Benjilany venceu Corey Jackson por decisão unânime (29-28, 30-27, 30-27)
Peso meio-médio: Mark Stoddard venceu Dan Stittgen por finalização aos 4m43s do primeiro round
Peso casado: Eric Wisely venceu Morgan Sickinger por finalização aos 1m:12s do primeiro round
Peso mosca: Joey Diehl venceu Nate Williams por finalização aos 54 segundos do primeiro round
Peso pena: Asef Askar e Andrew Johnson empataram na decisão majoritária (28-27, 28-28, 28-28)
Peso meio-médio: Rmandel Cameron venceu PJ Cajigas na decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)

O UFC 226 está perto de receber uma importante luta. Conforme anunciou o site MMA Fighting, um duelo entre os pesos-pesados Francis Ngannou e Derrick Lewis está sendo fechado para o evento em Las Vegas, na T-Mobile Arena no dia 7 de julho.

Sem dúvidas, Francis Ngannou é a maior revelação da categoria dos pesados nos últimos anos. O francês de 31 anos vinha com uma sequência de 10 vitórias seguidas até disputar o cinturão contra Stipe Miocic no UFC 220. Na ocasião, o peso-pesado foi superado por decisão unânime.

Leia também: Confira os salários do UFC ON FOX 29

Em busca de uma nova sequência de vitórias para se firmar no topo da divisão, Derrick Lewis tentará o segundo triunfo seguido. O americano estava com seis vitórias até ser nocauteado por Mark Hunt no UFC Fight Night 110. Em seguida, venceu o polonês Marcin Tybura por nocaute no UFC Fight Night 126.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO:

Stipe Miocic x Daniel Cormier
Raphael Assunção x Rob Font
Gokhan Saki x Khalil Rountree
Mike Perry x Yancy Medeiros
Paulo Borrachinha x Uriah Hall

Com um interessante card, o Ultimate realiza neste sábado o UFC On Fox 29, em Glendale, Arizona nos Estados Unidos na Gila River Arena. Na luta principal, o esperado combate entre os americano Dustin Poirier e Justin Gaethje, pela divisão dos leves.

Na luta co-principal, chamado de última hora, o brasileiro Alex Cowboy tentará surpreender o ex-desafiante ao cinturão meio-médio Carlos Condit. O carioca foi escalado para enfrentar o americano na penúltima semana, decorrente de uma lesão de Matt Brown.

RESULTADOS EM TEMPO REAL:

CARD PRINCIPAL:
Peso-leve: Dustin Poirier venceu Justin Gaethje por nocaute técnico no quarto round
Peso-meio-médio: Alex Cowboy venceu Carlos Condit por finalização no segundo round
Peso-médio: Israel Adesanya venceu Marvin Vettori por decisão dividida
Peso-palha: Michelle Waterson venceu Cortney Casey por decisão dividida
CARD PRELIMINAR:
Peso-médio: Antônio Cara de Sapato venceu Tim Boetsch por finalização no primeiro round
Peso-meio-médio: Muslim Salikhov venceu Ricky Rainey por nocaute no segundo round
Peso-mosca: John Moraga venceu Wilson Reis por decisão unânime
Peso-médio: Brad Tavares venceu Krzysztof Jotko por nocaute técnico no segundo round
Peso-leve: Gilbert Durinho venceu Dan Moret por nocaute no segundo round
Peso-mosca: Lauren Mueller venceu Shana Dobson por decisão unânime
Peso-meio-médio: Yushin Okami venceu Dhiego Lima por decisão unânime
Peso-pesado: Adam Wieczorek venceu Arjan Bhullar por finalização no segundo round
Peso-galo: Alejandro Perez venceu Matthew Lopez por nocaute técnico no segundo round
Peso-galo: Luke Sanders venceu Patrick Williams por decisão unânime

O retorno do ex-campeão dos pesados Brock Lesnar está perto de acontecer. A informação foi confirmada pelo presidente Dana White, em entrevista para o programa “UFC Tonight”. Apesar de confirmar a volta do astro da WWE, Dana não ratificou uma possível data.

“Sim, Brock Lesnar está voltando. Eu não sei quando, mas sim, ele está”, relatou o “manda-chuva” da organização.

Leia também: UFC 223: Zabit e Bochniak garantem prêmio de performance por luta da noite

Brock Lesnar que apesar de uma curta passagem pelo MMA, conquistou inúmero fãs por sua meteórica passagem pelo Ultimate. O americano conquistou o cinturão após bater Randy Couture no UFC 91. Após emplacar duas defesas com sucesso, o peso-pesado perdeu o título máximo após ser nocauteado por Caín Velasquez no UFC 121.

Depois do revés, Lesnar voltou a ser derrotado, dessa vez para o holandês Alistair Overeem. Em seguida, anunciou aposentadoria do esporte, entretanto, em 2016 retornou ao UFC na histórica edição de número 200, onde originalmente venceu Mark Hunt, porém, o resultado foi revertido para “sem resultado” após Brock ser flagrado em exame antidoping.

Sem dúvidas, o UFC Fight Night 127 foi marcante para o russo Alexander Volkov. Apesar de ser a zebra do evento, o peso-pesado surpreendeu e venceu o brasileiro ex-campeão Fabrício Werdum por nocaute técnico. Além do triunfo, Volkov garantiu o prêmio de “performance da noite”.

Ex-Bellator, Volkov emplacou a sexta vitória seguida, sendo a quarta no UFC. Já Werdum interrompeu a sequência de duas vitórias seguidas, e afastou uma possível chance de disputar o cinturão.

O escocês Paul Craig também garantiu 50 mil dólares (Cerca de 164 mil reais) após vencer o russo Magomed Ankalaev no “apagar das luzes”, por finalização aos 4 minutos e 59 segundos de luta.

E a “luta da noite”, foi anunciada para o embate entre Jan Blachowicz e Jimi Manuwa. Em um duelo eletrizante, o polonês levou a melhor sobre o inglês por decisão unânime dos juízes laterais.

CONFIRA TODOS OS RESULTADOS DO UFC FIGHT NIGHT 127 

O Ultimate aterrissou neste sábado (17) na 02 Arena, em Londres, Inglaterra para o UFC Fight Night 127. Na luta principal, um duelo entre os pesos-pesados Fabrício Werdum e Alexander Volkov.

Apesar de um bom início do brasileiro, Werdum sentiu o gás, e foi superado pelo russo no quarto round. Fabrício agora afasta uma possível chance pelo cinturão em um futuro próximo. Já Alexander Volkov, deu um passo importante para se firmar no topo da divisão.

Na luta co-principal, um interessante combate entre os meio-pesados Jimi Manuwa e Jan Blachowicz. Em um embate movimentado, o polones Blachowicz levou a melhor sobre o inglês por decisão unânime dos juízes laterais.

RESULTADOS DO UFC FIGHT NIGHT 127: 

CARD PRINCIPAL
Alexander Volkov venceu Fabricio Werdum por nocaute técnico aos 1m38 do quarto round
Jan Blachowicz venceu Jimi Manuwa por decisão unânime (29-28, 29-28 e 30-27)
Tom Duquesnoy venceu Terrion Ware por decisão unânime (29-28, 29-28 e 30-27)
Leon Edwards venceu Peter Sobotta por nocaute técnico aos 4m59 do terceiro round

CARD PRELIMINAR
Charles Byrd venceu John Phillips por finalização aos 3m58 do primeiro round
Danny Roberts venceu Oliver Enkamp por nocaute aos 2m12 do primeiro round
Danny Henry venceu Hakeem Dawodu por finalização aos 39s do primeiro round
Paul Craig venceu Magomed Ankalaev por finalização aos 4m59 do terceiro round
Kajan Johnson venceu Stevie Ray por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Dmitriy Sosnovskiy venceu Mark Godbeer por finalização aos 4m29 do segundo round

Fabrício Werdum e seu sonho de reaver o cinturão do UFC

Um dos maiores nomes do MMA nacional. Werdum tem a chance de obter seu title-shot contra o russo Alexander Volkov no próximo dia 17/03 em Londres.

Com um jogo de trocação afiado pelo Rafael Cordeiro da Kings MMA, uma das melhores academias de MMA do mundo. Na Kings MMA temos outros grandes nomes do UFC como o Kelvin Gastelum, Lyoto Machida, Mauricio Shogun e Chinzo Machida.

Leia Mais:
TOP 5: Os lutadores mais altos da história do MMA
Confira todos os salários do UFC 222
Paulo Borrachinha sofre lesão, e é retirado do UFC Atlantic City

Além disso, sendo um verdadeiro faixa preta de Jiu-Jitsu. O Fabricio Werdum possui uma combinação de qualidades incomum na categoria dos pesados.

Essa combinação já o levou ao cinturão contra o Cain Velasquez, porém depois dessa luta, o Werdum foi derrotado pelo Miocic e pelo Overeen. E em suas vitórias, não vimos boas apresentações no ultimate, mesmo vencendo acabou não convencendo.

Já o Volkov vem de uma importante sequência de 5 vitórias (sendo 3 no UFC), a última em cima do Stefan Struve no UFN 115. Dono de mãos pesadas, o Volkov embora perigoso, não parece páreo para o Werdum em pé, no chão nem precisa comentar.

Isso na teoria deixa o Werdum com boa vantagem na luta e quem sabe a esperada revanche contra o Miocic. Revanche essa que seria a luta mais interessante da categoria dos pesados no momento. Já que o Cain ainda está machucado, o Overeem e o Ngannou foram derrotados pelo campeão recentemente.

Sendo assim, é bem provável que veremos o Werdum vencendo seu próximo duelo e se credenciando para o title-shot contra o Miocic em uma revanche épica!

Carreira de Fabrício Werdum

Aos 40 anos de idade, o gaúcho apelidado de ‘Vai Cavalo’ tem um vasto cartel e um nome de peso. O brasileiro é muito respeitado no esporte e tem seu nome cravado na história do esporte. Como profissional lutou 31 vezes, dessas saiu vencedor em 23 oportunidades, perdeu 7 e tem 1 empate.

Develope By Vedrak Devs